Pesquisas Locais - Offerte
Endereços - Horários - Comentários
Informações Sobre o Tempo
Produtos Quentes

Noticias Fotos Slideshows
Celebridades, People, Sports, High Tech, vlrPhone
   

HOWTO - Respostas Ilustrado
 
Libertar a Animação VR / AR
Jogar para revelar imagens 3D e modelos 3D!
Demonstração A-Frame / Multiplayer
Android app on Google Play
 
vlrPhone / vlrFilter
Softphones projeto com baixo consumo de energia, velocidade e radiação / Filtro Multifuncional de Audio com Controle Remoto!



 

Noticias Slideshows (09/09/2019 19 horas)


  • 1/56   Noticias Fotos Slideshows
    PEOPLE TOPIC NEWS

    Noticias Fotos Slideshows - Tendências - Clique na imagem para visualizar na realidade aumentada ou em 3D estéreo

    Noticias Fotos Slideshows - Tendências - Clique na imagem para visualizar na realidade aumentada ou em 3D estéreo


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.


    Revista de Imprensa


    Parabéns PT   McFly   Atenção Boiolas   Don't Call Me Angel   O Ciro   benite   Project Resistance   felicio   Plasil   Petrovic   Administrador   Outbreak   Médico Veterinário   Dreamcast   Willian Farias   Cueva   Rafa Luz   QUE MITADA   República Tcheca   Left 4 Dead   Simeone   Oblak   Piñera   Perfect Illusion   Descente   
  • 2/56   Apple não permite mais que a Siri fale sobre feminismo

    Em novas diretrizes da Siri, a assistente pessoal não pode mais debater temas "polêmicos" e, por isso, a resposta para perguntas sobre feminismo mudaram. Agora, a Siri diz apenas acreditar na igualdade entre todas as pessoas

    Em novas diretrizes da Siri, a assistente pessoal não pode mais debater temas "polêmicos" e, por isso, a resposta para perguntas sobre feminismo mudaram. Agora, a Siri diz apenas acreditar na igualdade entre todas as pessoas


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 3/56   Rumor | Pixel 4 pode ter tela de 90Hz com "Smooth Display"

    Um código-fonte do Android 10 vazou e mostrou que o aparelho pode ter uma tela capaz de executar taxas de atualização de até 90Hz de maneira inteligente; ou seja, ela se adequaria conforme o aplicativo ou jogo que estivesse rodando

    Um código-fonte do Android 10 vazou e mostrou que o aparelho pode ter uma tela capaz de executar taxas de atualização de até 90Hz de maneira inteligente; ou seja, ela se adequaria conforme o aplicativo ou jogo que estivesse rodando


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 4/56   Erro de grife parceira pode ter revelado a existência de um Apple Watch Series 5

    A marca de produtos de luxo Hermes publicou em seu site imagens do que poderiam ser pulseiras para o Apple Watch Series 5, possível novo relógio inteligente da Apple. As fotos foram removidas, mas podem significar que este lançamento aconteça, de fato, na semana que vem

    A marca de produtos de luxo Hermes publicou em seu site imagens do que poderiam ser pulseiras para o Apple Watch Series 5, possível novo relógio inteligente da Apple. As fotos foram removidas, mas podem significar que este lançamento aconteça, de fato, na semana que vem


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 5/56   Brasil pede explicações ao Google por suposto uso de dados de menores

    O governo brasileiro anunciou nesta sexta-feira que pediu explicações ao gigante da internet Google sobre um suposto uso de dados de geolocalização de menores usuários do Youtube, e convidou a empresa a esclarecer a situação em 10 dias para evitar sanções.

    O governo brasileiro anunciou nesta sexta-feira que pediu explicações ao gigante da internet Google sobre um suposto uso de dados de geolocalização de menores usuários do Youtube, e convidou a empresa a esclarecer a situação em 10 dias para evitar sanções.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 6/56   Apple diz que informe do Google sobre hacking de iPhones é inexato e exagerado

    O hacking de iPhones revelado pelo Google durou apenas dois meses e envolveu menos de uma dúzia de sites relacionados com a comunidade dos uigures, uma minoria étnica na China, disse a Apple nesta sexta em resposta à análise de segurança do gigante da internet.

    O hacking de iPhones revelado pelo Google durou apenas dois meses e envolveu menos de uma dúzia de sites relacionados com a comunidade dos uigures, uma minoria étnica na China, disse a Apple nesta sexta em resposta à análise de segurança do gigante da internet.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 7/56   Decriptação de mensagens muda no iOS 13 e obriga mudanças drásticas em apps

    Apple impõe uma nova limitação em um conjunto de aplicações amplamente utilizado por desenvolvedores em apps de mensagens e obriga os programadores a realizar muitas alterações em utilitários de comunicação

    Apple impõe uma nova limitação em um conjunto de aplicações amplamente utilizado por desenvolvedores em apps de mensagens e obriga os programadores a realizar muitas alterações em utilitários de comunicação


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 8/56   Bolsonaro assina medida provisória que cria carteira estudantil digital

    BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta sexta-feira (6) medida provisória que cria uma carteira estudantil digital que permitirá o pagamento de meia entrada em eventos culturais. O objetivo da iniciativa é esvaziar a carteirinha emitida hoje por entidades estudantis, como a UNE (União Nacional dos Estudantes), que é controlada há anos pelo PCdoB, partido de oposição ao presidente. A previsão é de que a identidade digital comece a ser emitida em dezembro, inicialmente para estudantes do ensino superior. A meta é que ela seja disponibilizada para os demais graus de ensino até março. O documento será gratuito e poderá ser obtido em aplicativos de lojas online, como Google Play e Apple Store. Os estudantes que não tiverem acesso à internet poderão requerê-lo em agências da Caixa Econômica Federal. Em discurso, o presidente afirmou que a iniciativa é simples e que não foi feita por seus antecessores por falta de vontade e de capacidade. Ele fez questão de criticar as entidades estudantis que hoje emitem o documento e atacou o ex-ministro da Educação Fernando Haddad, seu adversário na eleição presidencial do ano passado. "Nós não teremos mais uma minoria para impor certas coisas em troca de uma carteirinha", afirmou. Para ele, no comando da pasta, Haddad criou divisões e castas no ensino superior ao ter ajudado a viabilizado a política de cotas raciais. "Essa medida ajuda para que certas pessoas não promovam o socialismo nas universidades. Nós temos de nos afastar dele", afirmou. O documento emitido hoje, que garante meia entrada em cinemas e espetáculos, é a principal fonte de renda de entidades estudantis. Uma lei de 2013, sobre o benefício do pagamento de meia-entrada, garante a emissão apenas à UNE, à Ubes (União Nacional dos Estudantes Secundaristas) e à ANPG (Associação Nacional de Pós-Graduandos). O trabalho de criação da carteira de estudante digital foi iniciado pelo ex-presidente do Inep, Marcus Vinicius Rodrigues, que elegeu o tema como uma das prioridades dos primeiros cem dias de governo.

    BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta sexta-feira (6) medida provisória que cria uma carteira estudantil digital que permitirá o pagamento de meia entrada em eventos culturais. O objetivo da iniciativa é esvaziar a carteirinha emitida hoje por entidades estudantis, como a UNE (União Nacional dos Estudantes), que é controlada há anos pelo PCdoB, partido de oposição ao presidente. A previsão é de que a identidade digital comece a ser emitida em dezembro, inicialmente para estudantes do ensino superior. A meta é que ela seja disponibilizada para os demais graus de ensino até março. O documento será gratuito e poderá ser obtido em aplicativos de lojas online, como Google Play e Apple Store. Os estudantes que não tiverem acesso à internet poderão requerê-lo em agências da Caixa Econômica Federal. Em discurso, o presidente afirmou que a iniciativa é simples e que não foi feita por seus antecessores por falta de vontade e de capacidade. Ele fez questão de criticar as entidades estudantis que hoje emitem o documento e atacou o ex-ministro da Educação Fernando Haddad, seu adversário na eleição presidencial do ano passado. "Nós não teremos mais uma minoria para impor certas coisas em troca de uma carteirinha", afirmou. Para ele, no comando da pasta, Haddad criou divisões e castas no ensino superior ao ter ajudado a viabilizado a política de cotas raciais. "Essa medida ajuda para que certas pessoas não promovam o socialismo nas universidades. Nós temos de nos afastar dele", afirmou. O documento emitido hoje, que garante meia entrada em cinemas e espetáculos, é a principal fonte de renda de entidades estudantis. Uma lei de 2013, sobre o benefício do pagamento de meia-entrada, garante a emissão apenas à UNE, à Ubes (União Nacional dos Estudantes Secundaristas) e à ANPG (Associação Nacional de Pós-Graduandos). O trabalho de criação da carteira de estudante digital foi iniciado pelo ex-presidente do Inep, Marcus Vinicius Rodrigues, que elegeu o tema como uma das prioridades dos primeiros cem dias de governo.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 9/56   Google proíbe anúncios de tratamentos médicos sem eficácia comprovada

    O Google informou nesta sexta-feira que vai banir os anúncios de tratamento médico sem eficiência comprovada, incluindo os que envolem células-tronco e terapia genética.

    O Google informou nesta sexta-feira que vai banir os anúncios de tratamento médico sem eficiência comprovada, incluindo os que envolem células-tronco e terapia genética.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 10/56   Sony comemora os 40 anos do Walkman com uma nova versão

    Lançado em 1979, o Walkman influenciou várias gerações e vira e mexe aparece em produções da cultura pop; nova encarnação roda Android e possui recursos para otimização de som em alta fidelidade, com bateria de até 26 horas de reprodução

    Lançado em 1979, o Walkman influenciou várias gerações e vira e mexe aparece em produções da cultura pop; nova encarnação roda Android e possui recursos para otimização de som em alta fidelidade, com bateria de até 26 horas de reprodução


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 11/56   IFA | Huawei desafia regra do governo dos EUA e relança P30 Pro com Android 10

    A Huawei está proibida de fazer novos lançamentos de dispositivos com serviços Android nos Estados Unidos, devido a uma guerra comercial. No entanto, a fabricante decidiu lançar um mesmo modelo com design renovado e a última versão do sistema operacional

    A Huawei está proibida de fazer novos lançamentos de dispositivos com serviços Android nos Estados Unidos, devido a uma guerra comercial. No entanto, a fabricante decidiu lançar um mesmo modelo com design renovado e a última versão do sistema operacional


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 12/56   Microsoft fecha parceria com operadora coreana para o xCloud; foco é o 5G

    A gigante de Redmond e a SK Telecom devem iniciar os trabalhos já em outubro, na Coreia do Sul, em caráter exclusivo com a conexão 5G. Especialistas dizem que esta parceria pode indicar que outras devem surgir em demais mercados

    A gigante de Redmond e a SK Telecom devem iniciar os trabalhos já em outubro, na Coreia do Sul, em caráter exclusivo com a conexão 5G. Especialistas dizem que esta parceria pode indicar que outras devem surgir em demais mercados


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 13/56   Serviços de streaming são 80% dos rendimentos da indústria fonográfica

    Arrecadação decorrente de serviços de streaming como Spotify e Apple Music somou um faturamento de R$ 4,3 bilhões no primeiro semestre deste ano, e mais da metade deste valor provém das assinaturas desses serviços

    Arrecadação decorrente de serviços de streaming como Spotify e Apple Music somou um faturamento de R$ 4,3 bilhões no primeiro semestre deste ano, e mais da metade deste valor provém das assinaturas desses serviços


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 14/56   IFA 2019 | Huawei P40 pode ser o primeiro smartphone a vir com HarmonyOS

    "Se continuarmos sendo impedidos de usar os serviços mobile do Google em nossos celulares, então creio que consideramos usar o Harmony OS em nossos smartphones", afirmou Richard Yu. "E o primeiro produto com o Harmony OS, talvez, seja o P40, que será lançado em 2020"

    "Se continuarmos sendo impedidos de usar os serviços mobile do Google em nossos celulares, então creio que consideramos usar o Harmony OS em nossos smartphones", afirmou Richard Yu. "E o primeiro produto com o Harmony OS, talvez, seja o P40, que será lançado em 2020"


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 15/56   Facebook vai acelerar contratações de engenheiros de Wall Street

    (Bloomberg) -- Atenção, Wall Street. O Facebook está atrás de seus engenheiros.A gigante de redes sociais, com sede em Menlo Park, Califórnia, planeja dobrar seu quadro de funcionários na cidade de Nova York. A meta é contratar mais de 3 mil pessoas nos próximos três a cinco anos, segundo um porta-voz da empresa. Cerca da metade de sua equipe na cidade é formada por engenheiros, ou cerca de 1,6 mil, e a caça furtiva desses profissionais do setor financeiro é "bastante comum" no Facebook, disse.As contratações podem levar o Facebook a um confronto com algumas das maiores empresas de finanças, como Goldman Sachs, que planeja contratar mais de 100 codificadores para funções em tecnologia nos próximos meses. É a maior onda de contratação dos últimos anos. O Goldman disse que planeja buscar os profissionais em rivais nos setores de tecnologia e finanças.Os planos do Facebook reforçam o perfil da Big Apple como um importante polo de tecnologia. A cidade tem apoiado ativamente o setor nos últimos anos, já que não pode mais contar com Wall Street como seu motor de negócios depois do abalo da crise financeira. Enquanto isso, gigantes da tecnologia da costa oeste se expandem em Nova York, comprando imóveis e contratando milhares de funcionários. O Google, controlado pela Alphabet, tem mais de 8 mil funcionários em Nova York, a maioria em Manhattan, e planeja dobrar esse número nos próximos 10 anos. E, apesar de ter desistido de Nova York para sua segunda sede, a Amazon.com ainda emprega cerca de 5 mil pessoas na cidade, além de continuar contratando."A batalha por profissionais de engenharia em Nova York em 2019 é a mais acirrada que já vi", disse Jovena Whatmoor, presidente da Clutch Talent, uma firma de recrutamento de Nova York especializada em selecionar engenheiros de software. "Os engenheiros estão sobrecarregados em escolher quais entrevistas aceitam fazer."Uma vantagem que as empresas de tecnologia podem oferecer em uma cidade competitiva e cara como Nova York é a remuneração. O Facebook oferece um salário anual de cerca de US$ 150 mil em média para engenheiros de software, enquanto um banco como o JPMorgan normalmente oferece US$ 100 mil por ano em Nova York, segundo dados compilados pelo LinkedIn. Whatmoor disse que sua empresa viu candidatos de engenharia receberem ofertas de até US$ 200 mil de startups, um nível que não era visto nem há um ano."A longo prazo, não há dúvida de que isso é bom para todo empregador de tecnologia em Nova York", disse Julie Samuels, diretora executiva da rede sem fins lucrativos Tech:NYC.Ao contratar mais engenheiros, o Facebook está "alimentando um ecossistema" em Nova York que cresce a cada ano, disse Samuels. É cada vez mais difícil para as instituições financeiras contratarem profissionais de tecnologia devido à crescente demanda, acrescentou. Para contatar o editora responsável por esta notícia: Daniela Milanese, dmilanese@bloomberg.netRepórteres da matéria original: Olivia Carville em N York, ocarville1@bloomberg.net;Jenny Surane em Nova York, jsurane4@bloomberg.netPara entrar em contato com os editores responsáveis: Jillian Ward, jward56@bloomberg.net, Molly Schuetz, Andrew PollackFor more articles like this, please visit us at bloomberg.com©2019 Bloomberg L.P.

    (Bloomberg) -- Atenção, Wall Street. O Facebook está atrás de seus engenheiros.A gigante de redes sociais, com sede em Menlo Park, Califórnia, planeja dobrar seu quadro de funcionários na cidade de Nova York. A meta é contratar mais de 3 mil pessoas nos próximos três a cinco anos, segundo um porta-voz da empresa. Cerca da metade de sua equipe na cidade é formada por engenheiros, ou cerca de 1,6 mil, e a caça furtiva desses profissionais do setor financeiro é "bastante comum" no Facebook, disse.As contratações podem levar o Facebook a um confronto com algumas das maiores empresas de finanças, como Goldman Sachs, que planeja contratar mais de 100 codificadores para funções em tecnologia nos próximos meses. É a maior onda de contratação dos últimos anos. O Goldman disse que planeja buscar os profissionais em rivais nos setores de tecnologia e finanças.Os planos do Facebook reforçam o perfil da Big Apple como um importante polo de tecnologia. A cidade tem apoiado ativamente o setor nos últimos anos, já que não pode mais contar com Wall Street como seu motor de negócios depois do abalo da crise financeira. Enquanto isso, gigantes da tecnologia da costa oeste se expandem em Nova York, comprando imóveis e contratando milhares de funcionários. O Google, controlado pela Alphabet, tem mais de 8 mil funcionários em Nova York, a maioria em Manhattan, e planeja dobrar esse número nos próximos 10 anos. E, apesar de ter desistido de Nova York para sua segunda sede, a Amazon.com ainda emprega cerca de 5 mil pessoas na cidade, além de continuar contratando."A batalha por profissionais de engenharia em Nova York em 2019 é a mais acirrada que já vi", disse Jovena Whatmoor, presidente da Clutch Talent, uma firma de recrutamento de Nova York especializada em selecionar engenheiros de software. "Os engenheiros estão sobrecarregados em escolher quais entrevistas aceitam fazer."Uma vantagem que as empresas de tecnologia podem oferecer em uma cidade competitiva e cara como Nova York é a remuneração. O Facebook oferece um salário anual de cerca de US$ 150 mil em média para engenheiros de software, enquanto um banco como o JPMorgan normalmente oferece US$ 100 mil por ano em Nova York, segundo dados compilados pelo LinkedIn. Whatmoor disse que sua empresa viu candidatos de engenharia receberem ofertas de até US$ 200 mil de startups, um nível que não era visto nem há um ano."A longo prazo, não há dúvida de que isso é bom para todo empregador de tecnologia em Nova York", disse Julie Samuels, diretora executiva da rede sem fins lucrativos Tech:NYC.Ao contratar mais engenheiros, o Facebook está "alimentando um ecossistema" em Nova York que cresce a cada ano, disse Samuels. É cada vez mais difícil para as instituições financeiras contratarem profissionais de tecnologia devido à crescente demanda, acrescentou. Para contatar o editora responsável por esta notícia: Daniela Milanese, dmilanese@bloomberg.netRepórteres da matéria original: Olivia Carville em N York, ocarville1@bloomberg.net;Jenny Surane em Nova York, jsurane4@bloomberg.netPara entrar em contato com os editores responsáveis: Jillian Ward, jward56@bloomberg.net, Molly Schuetz, Andrew PollackFor more articles like this, please visit us at bloomberg.com©2019 Bloomberg L.P.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 16/56   Se fosse um país, Google seria 2º em receita publicitária

    Estudo comparativo com os gastos publicitários registrados nos maiores mercados nacionais, realizado pelo portal alemão de análise de dados Statista, mostra o resultado do Google atrás apenas dos próprios Estados Unidos.

    Estudo comparativo com os gastos publicitários registrados nos maiores mercados nacionais, realizado pelo portal alemão de análise de dados Statista, mostra o resultado do Google atrás apenas dos próprios Estados Unidos.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 17/56   Dead Cells e Metal Gear Solid HD Collection chegam ao Xbox Game Pass

    A Microsoft adicionou três novos jogos para a sua biblioteca de jogos no serviço Xbox Game Pass: Dead Cells e

    A Microsoft adicionou três novos jogos para a sua biblioteca de jogos no serviço Xbox Game Pass: Dead Cells e


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 18/56   IFA 2019 | Huawei revela dois novos modelos do P30 Pro

    Durante a IFA 2019, a Huawei revelou dois novos modelos do P30 Pro que trazem apenas mudanças visuais e de software, com um novo tipo de pintura, duas novas cores e a presença do EMUI 10, sistema operacional baseado no Android 10

    Durante a IFA 2019, a Huawei revelou dois novos modelos do P30 Pro que trazem apenas mudanças visuais e de software, com um novo tipo de pintura, duas novas cores e a presença do EMUI 10, sistema operacional baseado no Android 10


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 19/56   Como apagar seu histórico de pesquisa do Google no celular e no PC

    O Google salva tudo o que pesquisamos entre seus serviços, como no YouTube ou no Maps. Você só precisa de alguns minutos para acessar e apagar seu histórico de pesquisas na internet ou removê-lo definitivamente

    O Google salva tudo o que pesquisamos entre seus serviços, como no YouTube ou no Maps. Você só precisa de alguns minutos para acessar e apagar seu histórico de pesquisas na internet ou removê-lo definitivamente


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 20/56   Nova versão do Telegram oferece agendamento do envio de mensagens

    Lembretes, emojis animados, temas personalizados e alterações nas configurações de privacidade são novidades adicionais que envolvem o aplicativo, e chegam com a versão 5.11 do Telegram para Android, inicialmente

    Lembretes, emojis animados, temas personalizados e alterações nas configurações de privacidade são novidades adicionais que envolvem o aplicativo, e chegam com a versão 5.11 do Telegram para Android, inicialmente


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 21/56   Google Assistente agora inicia chamadas de vídeo e de áudio no WhatsApp

    Assistente digital da Google já possuía suporte para envio de textos por meio de alguns mensageiros, como o Facebook Messenger e o Telegram, e agora pode iniciar chamadas de vídeo e de áudio no WhatsApp via comandos de voz

    Assistente digital da Google já possuía suporte para envio de textos por meio de alguns mensageiros, como o Facebook Messenger e o Telegram, e agora pode iniciar chamadas de vídeo e de áudio no WhatsApp via comandos de voz


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 22/56   Apple Music agora pode ser acessado pela web em versão beta

    Serviço de streaming musical da Gigante de Cupertino agora está disponível para todo mundo via web em versão beta, com uso de uma credencial Apple ID. A ideia da companhia é popularizar o Apple Music para enfrentar o Spotify à altura

    Serviço de streaming musical da Gigante de Cupertino agora está disponível para todo mundo via web em versão beta, com uso de uma credencial Apple ID. A ideia da companhia é popularizar o Apple Music para enfrentar o Spotify à altura


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 23/56   Apple mostra interesse em entrar no mercado de criptomoedas

    De acordo com a vice-presidente do Apple Pay, a companhia tem monitorado de perto todo o crescimento do mercado de criptomoedas, e enxerga ele como um possível bom investimento para o futuro dos negócios da marca

    De acordo com a vice-presidente do Apple Pay, a companhia tem monitorado de perto todo o crescimento do mercado de criptomoedas, e enxerga ele como um possível bom investimento para o futuro dos negócios da marca


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 24/56   Lenovo Yoga Smart Tab chega ao mercado como híbrido de tablet e smart display

    Companhia chinesa vem investindo no mercado de smart displays, tanto com a assistente digital Alexa quanto com o Google Assistente. Seu novo produto é um misto de tablet tradicional com telinha inteligente rodando Android

    Companhia chinesa vem investindo no mercado de smart displays, tanto com a assistente digital Alexa quanto com o Google Assistente. Seu novo produto é um misto de tablet tradicional com telinha inteligente rodando Android


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 25/56   Os melhores apps Android da semana (05/09/2019)

    Tem game, tem produtividade, tem até um app para ajudar você a ver o consumo de dados de outros apps e descobrir se a sua operadora está limitando o seu tráfego de propósito: confira a lista da semana aqui!

    Tem game, tem produtividade, tem até um app para ajudar você a ver o consumo de dados de outros apps e descobrir se a sua operadora está limitando o seu tráfego de propósito: confira a lista da semana aqui!


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 26/56   Facebook e Microsoft promovem concursos para detectar deepfakes

    Deepfake é aquele recurso em que se recorta o rosto de uma pessoa e se insere em um vídeo, com o maior realismo possível. Já foi utilizado em vários filmes, como Forrest Gump, por exemplo, mas é uma ferramenta temida pelas pessoas

    Deepfake é aquele recurso em que se recorta o rosto de uma pessoa e se insere em um vídeo, com o maior realismo possível. Já foi utilizado em vários filmes, como Forrest Gump, por exemplo, mas é uma ferramenta temida pelas pessoas


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 27/56   Número de mortos por furacão Dorian sobe para 45 nas Bahamas
    SCIENCE TOPIC NEWS

    O furacão Dorian deixou pelo menos 45 mortos nas Bahamas e muitas pessoas ainda estão desaparecidas, de acordo com um novo balanço provisório anunciado na noite de domingo pela polícia do arquipélago.

    O furacão Dorian deixou pelo menos 45 mortos nas Bahamas e muitas pessoas ainda estão desaparecidas, de acordo com um novo balanço provisório anunciado na noite de domingo pela polícia do arquipélago.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 28/56   Por que você tem mau hálito?
    SCIENCE TOPIC NEWS

    90% das causas do famoso "bafo" estão associadas a problemas nas gengivas e na língua.

    90% das causas do famoso "bafo" estão associadas a problemas nas gengivas e na língua.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 29/56   Dezenas de cães afetados por estranha doença na Noruega
    SCIENCE TOPIC NEWS

    Dezenas de cães na Noruega sofrem de uma doença misteriosa, em alguns casos fatal, cuja causa é desconhecida, causando preocupação entre os proprietários, a quem as autoridades instaram a impedir que seus cães entrem em contato com outros.

    Dezenas de cães na Noruega sofrem de uma doença misteriosa, em alguns casos fatal, cuja causa é desconhecida, causando preocupação entre os proprietários, a quem as autoridades instaram a impedir que seus cães entrem em contato com outros.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 30/56   Bolsonaro é operado com sucesso em São Paulo
    SCIENCE TOPIC NEWS

    O presidente Jair Bolsonaro foi operado com sucesso neste domingo para corrigir uma hérnia abdominal, a quarta intervenção cirúrgica pela qual passou desde que foi esfaqueado, há quase um ano, informaram os médicos.

    O presidente Jair Bolsonaro foi operado com sucesso neste domingo para corrigir uma hérnia abdominal, a quarta intervenção cirúrgica pela qual passou desde que foi esfaqueado, há quase um ano, informaram os médicos.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 31/56   Internação de emir do Kuwait nos EUA adia encontro com Trump
    SCIENCE TOPIC NEWS

    O emir do Kuwait, xeque Sabah Al-Ahmad Al-Sabah, 90 anos, foi internado para “exames médicos” em um hospital dos Estados Unidos, o que levou ao adiamento de uma reunião com o presidente Donald Trump, informou a agência oficial Kuna neste domingo.

    O emir do Kuwait, xeque Sabah Al-Ahmad Al-Sabah, 90 anos, foi internado para “exames médicos” em um hospital dos Estados Unidos, o que levou ao adiamento de uma reunião com o presidente Donald Trump, informou a agência oficial Kuna neste domingo.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 32/56   Ex-imperatriz japonesa é operada por câncer de mama
    SCIENCE TOPIC NEWS

    A ex-imperatriz japonesa Michiko, de 84 anos, foi submetida a uma cirurgia neste domingo (8), após receber um diagnóstico de câncer de mama em agosto - anunciou a agência de informação da Casa imperial.

    A ex-imperatriz japonesa Michiko, de 84 anos, foi submetida a uma cirurgia neste domingo (8), após receber um diagnóstico de câncer de mama em agosto - anunciou a agência de informação da Casa imperial.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 33/56   Bolsonaro é operado
    SCIENCE TOPIC NEWS

    Após ser apunhalado no abdome em setembro do ano passado, o presidente Jair Bolsonaro vai passar pela quarta intervenção cirúrgica. Ele foi internado no sábado no hospital Vila Nova Star, na zona oeste de São Paulo.

    Após ser apunhalado no abdome em setembro do ano passado, o presidente Jair Bolsonaro vai passar pela quarta intervenção cirúrgica. Ele foi internado no sábado no hospital Vila Nova Star, na zona oeste de São Paulo.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 34/56   Verão francês registra 1.500 mortes relacionadas ao forte calor
    SCIENCE TOPIC NEWS

    As duas ondas de calor intenso registradas na França em junho e julho deste ano deixaram pelo menos 1.500 mortos, dez vezes menos do que o número de óbitos na mesma categoria no verão de 2003 - anunciou a ministra francesa da Saúde, Agnès Buzyn, neste domingo (8).

    As duas ondas de calor intenso registradas na França em junho e julho deste ano deixaram pelo menos 1.500 mortos, dez vezes menos do que o número de óbitos na mesma categoria no verão de 2003 - anunciou a ministra francesa da Saúde, Agnès Buzyn, neste domingo (8).


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 35/56   Irã põe em funcionamento centrífugas modernas de enriquecimento de urânio
    SCIENCE TOPIC NEWS

    O Irã anunciou, neste sábado, que colocou em funcionamento centrífugas mais modernas para aumentar o estoque de urânio enriquecido no país, em uma nova fase de redução de seus compromissos nucleares, o que preocupa a comunidade internacional.

    O Irã anunciou, neste sábado, que colocou em funcionamento centrífugas mais modernas para aumentar o estoque de urânio enriquecido no país, em uma nova fase de redução de seus compromissos nucleares, o que preocupa a comunidade internacional.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 36/56   EUA tem cinco mortes relacionadas ao uso de cigarro eletrônico
    SCIENCE TOPIC NEWS

    Ao menos cinco pessoas morreram por usar cigarros eletrônicos nos Estados Unidos, informaram nesta sexta-feira as autoridades de saúde, destacando que o número de pacientes com dificuldades respiratórias graves ligadas ao hábito duplicou no país.

    Ao menos cinco pessoas morreram por usar cigarros eletrônicos nos Estados Unidos, informaram nesta sexta-feira as autoridades de saúde, destacando que o número de pacientes com dificuldades respiratórias graves ligadas ao hábito duplicou no país.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 37/56   Premiê Giuseppe Conte promete era de reformas para Itália
    WORLD TOPIC NEWS

    Antes de pedir o voto de confiança dos deputados para seu governo, o primeiro-ministro da Itália, Giuseppe Conte, prometeu nesta segunda-feira (9) que promoverá uma "nova era de reformas" para alcançar um país melhor.

    Antes de pedir o voto de confiança dos deputados para seu governo, o primeiro-ministro da Itália, Giuseppe Conte, prometeu nesta segunda-feira (9) que promoverá uma "nova era de reformas" para alcançar um país melhor.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 38/56   Brasil expressa 'espanto' por falas de ministro uruguaio sobre Bolsonaro
    WORLD TOPIC NEWS

    O governo brasileiro expressou "espanto", "rechaço" e "perplexidade" por falas do ministro da Defesa do Uruguai, José Bayardi, que questionou o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, a eleição de Jair Bolsonaro e a permanência do Brasil no Mercosul.

    O governo brasileiro expressou "espanto", "rechaço" e "perplexidade" por falas do ministro da Defesa do Uruguai, José Bayardi, que questionou o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, a eleição de Jair Bolsonaro e a permanência do Brasil no Mercosul.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 39/56   Parlamento britânico entrará em recesso em pleno bloqueio do Brexit
    WORLD TOPIC NEWS

    O primeiro-ministro Boris Johnson suspenderá os trabalhos do Parlamento britânico nesta segunda-feira à noite, após a previsível rejeição a sua nova proposta de eleições antecipadas ante um bloqueio do Brexit que exaspera cada vez mais os sócios europeus.

    O primeiro-ministro Boris Johnson suspenderá os trabalhos do Parlamento britânico nesta segunda-feira à noite, após a previsível rejeição a sua nova proposta de eleições antecipadas ante um bloqueio do Brexit que exaspera cada vez mais os sócios europeus.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 40/56   Presidente da Câmara dos Comuns anuncia que deixa o cargo 
    WORLD TOPIC NEWS

    O presidente da Câmara dos Comuns, o conservador John Bercow, que desempenhou um papel importante no processo tumultuado do Brexit, dando voz aos deputados pró-europeus, anunciou nesta segunda-feira que deixará a posição, alegando razões familiares.

    O presidente da Câmara dos Comuns, o conservador John Bercow, que desempenhou um papel importante no processo tumultuado do Brexit, dando voz aos deputados pró-europeus, anunciou nesta segunda-feira que deixará a posição, alegando razões familiares.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 41/56   Nathalia Dill posta foto beijando Glamour Garcia: 'Transfobia é crime'
    WORLD TOPIC NEWS

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A atriz Nathalia Dill, 33, publicou uma foto em seu perfil no Instagram em que aparece dando um beijo em sua colega de "A Dona do Pedaço" (Globo), Glamour Garcia, 30. Na legenda da imagem, a atriz alertou: "censura, não", "homofobia é crime" e "transfobia é crime". A publicação recebeu comentários de apoio de artistas como Lucy Alves e Samara Felippo. Na novela, Nathalia Dill interpreta a vilã Fabiana, que procura meios para demitir Britney (Glamour Garcia) da fábrica de bolos por ela ser transexual. Nos próximos capítulos, Britney deve se revoltar contra as novas ordens de Fabiana e aumentar a intriga deste núcleo da novela.

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A atriz Nathalia Dill, 33, publicou uma foto em seu perfil no Instagram em que aparece dando um beijo em sua colega de "A Dona do Pedaço" (Globo), Glamour Garcia, 30. Na legenda da imagem, a atriz alertou: "censura, não", "homofobia é crime" e "transfobia é crime". A publicação recebeu comentários de apoio de artistas como Lucy Alves e Samara Felippo. Na novela, Nathalia Dill interpreta a vilã Fabiana, que procura meios para demitir Britney (Glamour Garcia) da fábrica de bolos por ela ser transexual. Nos próximos capítulos, Britney deve se revoltar contra as novas ordens de Fabiana e aumentar a intriga deste núcleo da novela.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 42/56   Triunfo de Zelenski na troca de presos entre Kiev e Moscou terá um preço
    WORLD TOPIC NEWS

    O novo presidente ucraniano, Volodimir Zelenski, alcançou uma importante vitória política ao promover uma troca sem precedentes de prisioneiros com Moscou no fim de semana, mas isso poderá representar concessões perigosas da parte de Kiev no futuro - dizem especialistas.

    O novo presidente ucraniano, Volodimir Zelenski, alcançou uma importante vitória política ao promover uma troca sem precedentes de prisioneiros com Moscou no fim de semana, mas isso poderá representar concessões perigosas da parte de Kiev no futuro - dizem especialistas.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 43/56   Em vídeo, presidente francês reclama de Bolsonaro durante G7
    WORLD TOPIC NEWS

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em documentário produzido pelo canal de TV francês CNEWS sobre os bastidores da última cúpula do G7, em Biarritz, o presidente francês é filmado reclamando do comportamento de Jair Bolsonaro para o mandatário chileno. O episódio aconteceu no dia 26 de agosto, logo após a fala de Emmanuel Macron na qual ele disse esperar que "os brasileiros tenham logo um presidente que se comporte à altura" do cargo. A câmera mostra Macron e o presidente chileno, Sebástian Piñera, conversando momentos antes de um café da manhã para os chefes de Estado. Piñera menciona Bolsonaro, e em seguida parece fazer uma expressão de dúvida ao olhar para o francês. Macron responde: "eu tinha que reagir, você entende?" Macron se referia à ofensa de Bolsonaro à primeira-dama francesa, Brigitte Macron, em uma rede social. "Eu queria ser pacífico. Queria ser correto, construtivo com o cara e respeitar a sua soberania. Tudo bem. Mas eu não poderia aceitar isso", conclui Macron. A chanceler alemã, Angela Merkel, que aparece no vídeo ao lado de Macron, exclama "não!", dando a entender que concorda com a reação do francês. Em seguida, Macron diz "me desculpa, mas isso não é atitude de um presidente" cortar o cabelo após cancelar de última hora um encontro com o chanceler da França. Bolsonaro deveria ter recebido Jean-Yves Le Drian em audiência na tarde do dia 29 de julho, no Palácio do Planalto. No entanto, minutos antes da reunião, o francês foi avisado pelo ministro das Relações Exteriores do Brasil, Ernesto Araújo, de que Bolsonaro não teria mais horário disponível para o encontro. Poucos minutos depois do momento em que a reunião deveria acabar, por volta de 15h45, o presidente brasileiro apareceu em uma live nas redes sociais cortando o cabelo.

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em documentário produzido pelo canal de TV francês CNEWS sobre os bastidores da última cúpula do G7, em Biarritz, o presidente francês é filmado reclamando do comportamento de Jair Bolsonaro para o mandatário chileno. O episódio aconteceu no dia 26 de agosto, logo após a fala de Emmanuel Macron na qual ele disse esperar que "os brasileiros tenham logo um presidente que se comporte à altura" do cargo. A câmera mostra Macron e o presidente chileno, Sebástian Piñera, conversando momentos antes de um café da manhã para os chefes de Estado. Piñera menciona Bolsonaro, e em seguida parece fazer uma expressão de dúvida ao olhar para o francês. Macron responde: "eu tinha que reagir, você entende?" Macron se referia à ofensa de Bolsonaro à primeira-dama francesa, Brigitte Macron, em uma rede social. "Eu queria ser pacífico. Queria ser correto, construtivo com o cara e respeitar a sua soberania. Tudo bem. Mas eu não poderia aceitar isso", conclui Macron. A chanceler alemã, Angela Merkel, que aparece no vídeo ao lado de Macron, exclama "não!", dando a entender que concorda com a reação do francês. Em seguida, Macron diz "me desculpa, mas isso não é atitude de um presidente" cortar o cabelo após cancelar de última hora um encontro com o chanceler da França. Bolsonaro deveria ter recebido Jean-Yves Le Drian em audiência na tarde do dia 29 de julho, no Palácio do Planalto. No entanto, minutos antes da reunião, o francês foi avisado pelo ministro das Relações Exteriores do Brasil, Ernesto Araújo, de que Bolsonaro não teria mais horário disponível para o encontro. Poucos minutos depois do momento em que a reunião deveria acabar, por volta de 15h45, o presidente brasileiro apareceu em uma live nas redes sociais cortando o cabelo.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 44/56   Rainha Elizabeth II aprova lei que pede adiamento do Brexit
    WORLD TOPIC NEWS

    A rainha Elizabeth II deu nesta segunda-feira a aprovação real para a lei que pede um novo adiamento do Brexit se não houver um acordo aceitável com Bruxelas a partir de 19 de outubro, informou o presidente da câmara alta do parlamento britânico.

    A rainha Elizabeth II deu nesta segunda-feira a aprovação real para a lei que pede um novo adiamento do Brexit se não houver um acordo aceitável com Bruxelas a partir de 19 de outubro, informou o presidente da câmara alta do parlamento britânico.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 45/56   Ex-amigo de Netanyahu se torna seu principal rival nas eleições de Israel
    WORLD TOPIC NEWS

    TEL AVIV, ISRAEL (FOLHAPRESS) - Ele é um amigo excepcional. Um ser humano incrível, muito correto, bem diferente de sua imagem". As palavras do premiê israelense Binyamin Netanyahu se referem ao ex-ministro da Defesa e ex-chanceler Avigdor Lieberman, 61, um dos mais veteranos e complexos políticos do país, cuja pinta de durão é apreciada por alguns e execrada por outros. Os elogios rasgados, no entanto, foram ditos em 1997, antes de Netanyahu e Lieberman se desentenderem. A amizade teve altos e baixos nos últimos 22 anos. Atualmente, os dois são adversários ferozes e se culpam mutuamente pela convocação de novas eleições em Israel, em 17 de setembro, cinco meses após o pleito de 9 de abril. Netanyahu venceu a votação, mas não conseguiu costurar a coalizão de governo por causa de um obstáculo: seu ex-amigo. Sabendo que seria o fiel da balança, Lieberman aumentou o nível das exigências para que seu partido, o ultranacionalista Israel Nossa Casa, participasse do arranjo. Contrariado, Netanyahu ofereceu menos para não perder outros aliados. Nenhum dos dois cedeu. O ex-ministro saiu fortalecido do embate. De acordo com pesquisas eleitorais, o Israel Nossa Casa conquistará 10 das 120 cadeiras do Knesset, o Parlamento em Jerusalém. Após o pleito de abril, a legenda teve apenas metade disso. "Netanyahu certamente não diria hoje em dia que Lieberman é um amigo excepcional", afirma o jornalista político Yoav Krakowsky. Os antigos elogios aparecem no recém-lançado documentário "Lieber-man", da cineasta Nurit Keidar, sobre a vida e a carreira do político que nasceu em Chisinau, na Moldávia (ex-URSS), e emigrou para Israel em 1978, aos 20 anos. Evet Lvovich Liberman --que mudou o nome para Avigdor após imigrar-- é um personagem quase caricato, com voz grossa e forte sotaque. Em programas de humor, é representado como um agente da KGB, um líder soviético ou um gângster russo estereotipado. Suas ideias são, às vezes, contraditórias e confusas. Por um lado, é tido como "homem de ferro", por outro, mostra incrível flexibilidade ideológica. Acima de tudo, ele é um ultranacionalista, algo que herdou de seu pai, Lev Lieberman, ex-integrante do Exército russo que foi preso após a Segunda Guerra Mundial. "Seu pai foi a figura dominante em sua vida", diz a documentarista Nurit Keidar. "Ele foi mandado para a Sibéria por Stalin e ficou lá por dez anos. Depois veio para Israel e isso levou a seu forte nacionalismo. Os dois se falavam diariamente [até sua morte, em 2007]". O próprio Lieberman conta que foi criado falando apenas iídiche até os três anos de idade. O antissemitismo local o levou a acreditar na importância de Israel para os judeus. Mas a herança soviética moldou a ideia de que religião e política não devem se misturar: "Queremos aqui um Estado Judaico, mas não governado pela halachá [a lei religiosa judaica]", disse Lieberman em entrevista ao jornal Maariv. Também ex-ministro da Infraestrutura, dos Transportes e de Assuntos Estratégicos, ele diz se preocupar com o aumento da influência de partidos religiosos. Talvez mais do que o conflito com os palestinos e o mundo árabe, é a questão religiosa que divide os israelenses. Tanto que muitos eleitores do enfraquecido Partido Trabalhista (casa de ex-líderes como David Ben-Gurion, Yitzhak Rabin e Shimon Peres) pretendem votar em Lieberman no dia 17. O adversário de Netanyahu defende um governo de união nacional entre os governistas do Likud e a oposição da legenda de centro-esquerda Azul e Branco, tirando os partidos religiosos da equação. E afirma que o premiê erra ao se associar com os religiosos. "A ânsia por poder supera todas as outras considerações, ao que parece. No momento, o acordo entre Netanyahu e os ultraortodoxos é claro. Eles dão a ele o governo e ele dá a eles um Estado de halachá", disse ele. Lieberman ingressou na política ainda jovem e chegou ao cargo de diretor-geral do Likud, partido de Netanyahu, em 1993, permanecendo até 1996. Por um ano, liderou o gabinete de seu atual rival. Porém, em 1997, deixou o Likud criticando o chefe por, segundo ele, ter feito concessões demais aos palestinos. Dois anos depois, fundou o Israel Nossa Casa, legenda que lidera de forma centralizadora. Adotou um discurso ultranacionalista, mas com toques liberais, conquistando o eleitorado de imigrantes da antiga União Soviética, que representam 18% da população de Israel. Ele já propôs uma troca populacional entre Israel e a Autoridade Palestina e a instituição de pena de morte para terroristas. Certa vez, chamou os parlamentares árabe-israelenses de "apoiadores do terrorismo". Lieberman mora em uma colônia na Cisjordânia, o que demonstra seu apoio aos assentamentos israelenses na região, mesmo que já tenha defendido a criação de um Estado palestino. Por outro lado, ele promove ideias liberais, como afrouxar leis religiosas para casamentos e divórcios e a maior integração de judeus ultraortodoxos no Exército, bandeiras caras aos israelenses seculares. Ele também redigiu e aprovou leis pró-LGBT no Knesset, o que agrada esquerdistas. O candidato ja enfrentou problemas com a Justiça. Foi acusado de receber milhões de shekels de empresários enquanto atuava como parlamentar. De 2001 a 2010, foi interrogado diversas vezes até ser indiciado, em 2011, por fraude, lavagem de dinheiro e outros crimes. Dois anos depois, porém, ele foi inocentado. Em 2018, no entanto, membros importantes de seu partido foram indiciados em casos de corrupção. David Godovsky foi condenado a sete anos de prisão por fraude, evasão fiscal e lavagem de dinheiro. Fania Kirschenbaum, ex-mão-direita de Lieberman, aguarda julgamento por criar um esquema de doação de verbas para ONGs com a condição de que parte do dinheiro voltasse, por debaixo dos panos, para o partido. Críticos de Lieberman se perguntam se ele não sabia dos casos de corrupção e se estaria envolvido.

    TEL AVIV, ISRAEL (FOLHAPRESS) - Ele é um amigo excepcional. Um ser humano incrível, muito correto, bem diferente de sua imagem". As palavras do premiê israelense Binyamin Netanyahu se referem ao ex-ministro da Defesa e ex-chanceler Avigdor Lieberman, 61, um dos mais veteranos e complexos políticos do país, cuja pinta de durão é apreciada por alguns e execrada por outros. Os elogios rasgados, no entanto, foram ditos em 1997, antes de Netanyahu e Lieberman se desentenderem. A amizade teve altos e baixos nos últimos 22 anos. Atualmente, os dois são adversários ferozes e se culpam mutuamente pela convocação de novas eleições em Israel, em 17 de setembro, cinco meses após o pleito de 9 de abril. Netanyahu venceu a votação, mas não conseguiu costurar a coalizão de governo por causa de um obstáculo: seu ex-amigo. Sabendo que seria o fiel da balança, Lieberman aumentou o nível das exigências para que seu partido, o ultranacionalista Israel Nossa Casa, participasse do arranjo. Contrariado, Netanyahu ofereceu menos para não perder outros aliados. Nenhum dos dois cedeu. O ex-ministro saiu fortalecido do embate. De acordo com pesquisas eleitorais, o Israel Nossa Casa conquistará 10 das 120 cadeiras do Knesset, o Parlamento em Jerusalém. Após o pleito de abril, a legenda teve apenas metade disso. "Netanyahu certamente não diria hoje em dia que Lieberman é um amigo excepcional", afirma o jornalista político Yoav Krakowsky. Os antigos elogios aparecem no recém-lançado documentário "Lieber-man", da cineasta Nurit Keidar, sobre a vida e a carreira do político que nasceu em Chisinau, na Moldávia (ex-URSS), e emigrou para Israel em 1978, aos 20 anos. Evet Lvovich Liberman --que mudou o nome para Avigdor após imigrar-- é um personagem quase caricato, com voz grossa e forte sotaque. Em programas de humor, é representado como um agente da KGB, um líder soviético ou um gângster russo estereotipado. Suas ideias são, às vezes, contraditórias e confusas. Por um lado, é tido como "homem de ferro", por outro, mostra incrível flexibilidade ideológica. Acima de tudo, ele é um ultranacionalista, algo que herdou de seu pai, Lev Lieberman, ex-integrante do Exército russo que foi preso após a Segunda Guerra Mundial. "Seu pai foi a figura dominante em sua vida", diz a documentarista Nurit Keidar. "Ele foi mandado para a Sibéria por Stalin e ficou lá por dez anos. Depois veio para Israel e isso levou a seu forte nacionalismo. Os dois se falavam diariamente [até sua morte, em 2007]". O próprio Lieberman conta que foi criado falando apenas iídiche até os três anos de idade. O antissemitismo local o levou a acreditar na importância de Israel para os judeus. Mas a herança soviética moldou a ideia de que religião e política não devem se misturar: "Queremos aqui um Estado Judaico, mas não governado pela halachá [a lei religiosa judaica]", disse Lieberman em entrevista ao jornal Maariv. Também ex-ministro da Infraestrutura, dos Transportes e de Assuntos Estratégicos, ele diz se preocupar com o aumento da influência de partidos religiosos. Talvez mais do que o conflito com os palestinos e o mundo árabe, é a questão religiosa que divide os israelenses. Tanto que muitos eleitores do enfraquecido Partido Trabalhista (casa de ex-líderes como David Ben-Gurion, Yitzhak Rabin e Shimon Peres) pretendem votar em Lieberman no dia 17. O adversário de Netanyahu defende um governo de união nacional entre os governistas do Likud e a oposição da legenda de centro-esquerda Azul e Branco, tirando os partidos religiosos da equação. E afirma que o premiê erra ao se associar com os religiosos. "A ânsia por poder supera todas as outras considerações, ao que parece. No momento, o acordo entre Netanyahu e os ultraortodoxos é claro. Eles dão a ele o governo e ele dá a eles um Estado de halachá", disse ele. Lieberman ingressou na política ainda jovem e chegou ao cargo de diretor-geral do Likud, partido de Netanyahu, em 1993, permanecendo até 1996. Por um ano, liderou o gabinete de seu atual rival. Porém, em 1997, deixou o Likud criticando o chefe por, segundo ele, ter feito concessões demais aos palestinos. Dois anos depois, fundou o Israel Nossa Casa, legenda que lidera de forma centralizadora. Adotou um discurso ultranacionalista, mas com toques liberais, conquistando o eleitorado de imigrantes da antiga União Soviética, que representam 18% da população de Israel. Ele já propôs uma troca populacional entre Israel e a Autoridade Palestina e a instituição de pena de morte para terroristas. Certa vez, chamou os parlamentares árabe-israelenses de "apoiadores do terrorismo". Lieberman mora em uma colônia na Cisjordânia, o que demonstra seu apoio aos assentamentos israelenses na região, mesmo que já tenha defendido a criação de um Estado palestino. Por outro lado, ele promove ideias liberais, como afrouxar leis religiosas para casamentos e divórcios e a maior integração de judeus ultraortodoxos no Exército, bandeiras caras aos israelenses seculares. Ele também redigiu e aprovou leis pró-LGBT no Knesset, o que agrada esquerdistas. O candidato ja enfrentou problemas com a Justiça. Foi acusado de receber milhões de shekels de empresários enquanto atuava como parlamentar. De 2001 a 2010, foi interrogado diversas vezes até ser indiciado, em 2011, por fraude, lavagem de dinheiro e outros crimes. Dois anos depois, porém, ele foi inocentado. Em 2018, no entanto, membros importantes de seu partido foram indiciados em casos de corrupção. David Godovsky foi condenado a sete anos de prisão por fraude, evasão fiscal e lavagem de dinheiro. Fania Kirschenbaum, ex-mão-direita de Lieberman, aguarda julgamento por criar um esquema de doação de verbas para ONGs com a condição de que parte do dinheiro voltasse, por debaixo dos panos, para o partido. Críticos de Lieberman se perguntam se ele não sabia dos casos de corrupção e se estaria envolvido.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 46/56   Após cirurgia, Bolsonaro se alimenta de chá e gelatina e diz que logo voltará ao batente
    WORLD TOPIC NEWS

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Na manhã seguinte à quarta cirurgia após a facada que sofreu no ano passado, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) apresenta boa recuperação e começa a ingerir líquidos, como chá, gelatina e caldo ralo. Ele inclusive gravou um vídeo e postou nas redes sociais, afirmando que voltará a trabalhar na próxima terça-feira (10).  "Pessoal, só segunda-feira que eu estou de folga, hein. Amanhã eu volto no batente. Por enquanto, meu programa favorito aqui, o Chaves", diz Bolsonaro na cama do hospital, enquanto toma café da manhã e assiste TV.  Apesar disso, a equipe médica do Hospital Vila Nova Star, na região sul de São Paulo, afirmou que estão mantidos os prazos de recuperação do presidente. A alta clínica é esperada para ocorrer dentro de cinco ou seis dias. No entanto, ele só poderá voltar a Brasília, se não houver complicações, de 7 a 10 dias após a cirurgia -na semana que vem. O porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros, disse que o vice-presidente Hamilton Mourão segue no exercício do cargo até quinta (12).  "É da natureza dele estar ativo o mais rápido possível. A evolução clínica tem sido muito positiva, e em razão dessa evolução, o presidente se mostra já disposto a iniciar os trabalhos de condução do Poder Executivo, ainda que, neste momento, nós tenhamos o vice-presidente da República chefiando o nosso governo", disse Barros.  O porta-voz não detalhou que tipo de atividades de trabalho Bolsonaro poderia assumir a partir de terça, disse apenas que as ações de governo ficam a cargo de Mourão e que é da personalidade de Bolsonaro querer continuar na ativa.  "É claro que o presidente participa das decisões por meio das suas interlocuções com seus vários ministros e inclusive com o próprio general Mourão", afirmou o porta-voz.  Há uma ala do hospital destinada à equipe do presidente e à sua família, onde ele pode trabalhar. Nesta segunda (9), está prevista uma visita de Mourão a Bolsonaro.  A cirurgia foi realizada no domingo (8) para corrigir uma hérnia que surgiu na região onde foram feitas três operações depois do ataque a faca durante a campanha eleitoral de 2018 na cidade de Juiz de Fora (MG). Ainda no domingo, o presidente recebeu a visita do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. Também assistiu ao jogo do Botafogo, segundo o porta-voz. No momento, o acompanham no hospital a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e o filho Carlos. Segundo o boletim médico desta manhã, as visitas estão restritas por orientação médica.  "O paciente encontra-se estável, sem dor, afebril e com boa evolução clínico-cirúrgica. Hoje já iniciará fisioterapia motora, podendo sentar na poltrona e realizar caminhada no corredor", diz o boletim.  Segundo o diretor-médico do Hodpital Vila Nova Star, Antônio Antonietto, a orientação médica é de que o presidente fale pouco e caminhe, para que os movimentos do intestino voltem naturalmente. Segundo a Presidência, Bolsonaro estará restabelecido a tempo de discursar na Assembleia Geral da ONU, em 24 de setembro, em Nova York. A cirurgia, considerada de média complexidade, tinha previsão de duração de duas horas, mas acabou levando cinco -sendo concluído às 12h40. O médico Antônio Luiz Macedo, responsável pelo procedimento, disse que foram encontradas aderências no intestino que demandaram mais tempo da equipe.  Logo após a cirurgia, Bolsonaro vestiu uma cinta elástica para pressionar o abdome operado e ajudar no processo de recuperação. Macedo não descarta a possibilidade de que surjam novas hérnias no futuro, mas as chances são pequenas, em torno de 6%, segundo ele. O surgimento da chamada hérnia incisional já era esperado pelos médicos que atendem o presidente, em razão da série de intervenções feitas na região da barriga do paciente para tratar os danos provocados pelo ataque. O então presidenciável foi esfaqueado por Adélio Bispo de Oliveira em 6 de setembro de 2018. O autor do crime está preso desde então. A hérnia ocorreu porque, em virtude do enfraquecimento da parede muscular do abdômen, uma parte do intestino passou por uma cavidade desse tecido. As múltiplas incisões (cortes) na barriga fragilizaram o músculo, o que fez com que a porção do órgão e uma camada de gordura rompessem a membrana.

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Na manhã seguinte à quarta cirurgia após a facada que sofreu no ano passado, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) apresenta boa recuperação e começa a ingerir líquidos, como chá, gelatina e caldo ralo. Ele inclusive gravou um vídeo e postou nas redes sociais, afirmando que voltará a trabalhar na próxima terça-feira (10).  "Pessoal, só segunda-feira que eu estou de folga, hein. Amanhã eu volto no batente. Por enquanto, meu programa favorito aqui, o Chaves", diz Bolsonaro na cama do hospital, enquanto toma café da manhã e assiste TV.  Apesar disso, a equipe médica do Hospital Vila Nova Star, na região sul de São Paulo, afirmou que estão mantidos os prazos de recuperação do presidente. A alta clínica é esperada para ocorrer dentro de cinco ou seis dias. No entanto, ele só poderá voltar a Brasília, se não houver complicações, de 7 a 10 dias após a cirurgia -na semana que vem. O porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros, disse que o vice-presidente Hamilton Mourão segue no exercício do cargo até quinta (12).  "É da natureza dele estar ativo o mais rápido possível. A evolução clínica tem sido muito positiva, e em razão dessa evolução, o presidente se mostra já disposto a iniciar os trabalhos de condução do Poder Executivo, ainda que, neste momento, nós tenhamos o vice-presidente da República chefiando o nosso governo", disse Barros.  O porta-voz não detalhou que tipo de atividades de trabalho Bolsonaro poderia assumir a partir de terça, disse apenas que as ações de governo ficam a cargo de Mourão e que é da personalidade de Bolsonaro querer continuar na ativa.  "É claro que o presidente participa das decisões por meio das suas interlocuções com seus vários ministros e inclusive com o próprio general Mourão", afirmou o porta-voz.  Há uma ala do hospital destinada à equipe do presidente e à sua família, onde ele pode trabalhar. Nesta segunda (9), está prevista uma visita de Mourão a Bolsonaro.  A cirurgia foi realizada no domingo (8) para corrigir uma hérnia que surgiu na região onde foram feitas três operações depois do ataque a faca durante a campanha eleitoral de 2018 na cidade de Juiz de Fora (MG). Ainda no domingo, o presidente recebeu a visita do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. Também assistiu ao jogo do Botafogo, segundo o porta-voz. No momento, o acompanham no hospital a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e o filho Carlos. Segundo o boletim médico desta manhã, as visitas estão restritas por orientação médica.  "O paciente encontra-se estável, sem dor, afebril e com boa evolução clínico-cirúrgica. Hoje já iniciará fisioterapia motora, podendo sentar na poltrona e realizar caminhada no corredor", diz o boletim.  Segundo o diretor-médico do Hodpital Vila Nova Star, Antônio Antonietto, a orientação médica é de que o presidente fale pouco e caminhe, para que os movimentos do intestino voltem naturalmente. Segundo a Presidência, Bolsonaro estará restabelecido a tempo de discursar na Assembleia Geral da ONU, em 24 de setembro, em Nova York. A cirurgia, considerada de média complexidade, tinha previsão de duração de duas horas, mas acabou levando cinco -sendo concluído às 12h40. O médico Antônio Luiz Macedo, responsável pelo procedimento, disse que foram encontradas aderências no intestino que demandaram mais tempo da equipe.  Logo após a cirurgia, Bolsonaro vestiu uma cinta elástica para pressionar o abdome operado e ajudar no processo de recuperação. Macedo não descarta a possibilidade de que surjam novas hérnias no futuro, mas as chances são pequenas, em torno de 6%, segundo ele. O surgimento da chamada hérnia incisional já era esperado pelos médicos que atendem o presidente, em razão da série de intervenções feitas na região da barriga do paciente para tratar os danos provocados pelo ataque. O então presidenciável foi esfaqueado por Adélio Bispo de Oliveira em 6 de setembro de 2018. O autor do crime está preso desde então. A hérnia ocorreu porque, em virtude do enfraquecimento da parede muscular do abdômen, uma parte do intestino passou por uma cavidade desse tecido. As múltiplas incisões (cortes) na barriga fragilizaram o músculo, o que fez com que a porção do órgão e uma camada de gordura rompessem a membrana.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 47/56   Dona da Claro recebe aval do Cade para comprar Nextel
    BUSINESS TOPIC NEWS

    No negócio, já divulgado anteriormente, a América Móvil comprará a fatia de 70% da Nextel pertencente a NII International Holdings e os 30% da AI Brazil Holdings, sendo a única detentora do capital social da Nextel.

    No negócio, já divulgado anteriormente, a América Móvil comprará a fatia de 70% da Nextel pertencente a NII International Holdings e os 30% da AI Brazil Holdings, sendo a única detentora do capital social da Nextel.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 48/56   Mourão diz a chineses que Brasil perde com guerra comercial entre EUA e China
    BUSINESS TOPIC NEWS

    O vice-presidente falou a uma plateia de empresários brasileiros e chineses em evento organizado pelo Conselho Empresarial Brasil-China.

    O vice-presidente falou a uma plateia de empresários brasileiros e chineses em evento organizado pelo Conselho Empresarial Brasil-China.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 49/56   Parlamento britânico será suspenso logo após os debates desta segunda-feira
    BUSINESS TOPIC NEWS

    O Parlamento britânico será suspenso por cinco semanas após a votação de uma moção do governo pedindo eleições legislativas antecipadas nesta segunda-feira à noite, anunciou um porta-voz do primeiro-ministro Boris Johnson.

    O Parlamento britânico será suspenso por cinco semanas após a votação de uma moção do governo pedindo eleições legislativas antecipadas nesta segunda-feira à noite, anunciou um porta-voz do primeiro-ministro Boris Johnson.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 50/56   Irã critica 'promessas quebradas' dos europeus sobre acordo nuclear
    BUSINESS TOPIC NEWS

    O chefe da Organização iraniana de Energia Atômica, Ali Akbar Salehi, considerou, neste domingo (8), que seu país não tem escolha a não ser reduzir seus compromissos no âmbito do acordo sobre seu programa nuclear, devido às "promessas quebradas" dos europeus.

    O chefe da Organização iraniana de Energia Atômica, Ali Akbar Salehi, considerou, neste domingo (8), que seu país não tem escolha a não ser reduzir seus compromissos no âmbito do acordo sobre seu programa nuclear, devido às "promessas quebradas" dos europeus.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 51/56   Depósito da Amazon parece achados e perdidos
    BUSINESS TOPIC NEWS

    "Trabalhe duro, divirta-se, faça história", diz o cartaz na entrada do complexo

    "Trabalhe duro, divirta-se, faça história", diz o cartaz na entrada do complexo


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 52/56   Rei saudita nomeia filho como novo ministro da Energia
    BUSINESS TOPIC NEWS

    O rei Salman, da Arábia Saudita, nomeou o filho Abdulaziz como novo ministro da Energia, uma mudança importante no reino petroleiro, afetado pela queda dos preços internacionais do petróleo cru.

    O rei Salman, da Arábia Saudita, nomeou o filho Abdulaziz como novo ministro da Energia, uma mudança importante no reino petroleiro, afetado pela queda dos preços internacionais do petróleo cru.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 53/56   Estratégia de combate à pobreza do PT reduziu produtividade da economia, diz estudo
    BUSINESS TOPIC NEWS

    A tese, defendida em 2018 na Universidade de Londres, recebeu menção honrosa na categoria melhor dissertação da seção Brasil da Associação de Estudos Latino-Americanos.

    A tese, defendida em 2018 na Universidade de Londres, recebeu menção honrosa na categoria melhor dissertação da seção Brasil da Associação de Estudos Latino-Americanos.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 54/56   John Le Carré chama premiê britânico de "porco ignorante" em novo romance
    BUSINESS TOPIC NEWS

    O mestre britânico de romances de espionagem, John le Carré, ataca em seu novo romance o primeiro-ministro Boris Johnson, a quem ele chama de "porco ignorante" por liderar a "loucura do Brexit", conforme publicado pelo jornal Guardian neste sábado.

    O mestre britânico de romances de espionagem, John le Carré, ataca em seu novo romance o primeiro-ministro Boris Johnson, a quem ele chama de "porco ignorante" por liderar a "loucura do Brexit", conforme publicado pelo jornal Guardian neste sábado.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 55/56   Cuba condena novas sanções dos EUA
    BUSINESS TOPIC NEWS

    O presidente de Cuba, Miguel Díaz-Canel, condenou neste sábado as novas sanções anunciadas pelo governo Donald Trump que buscam privar a ilha do acesso a moedas estrangeiras, piorando ainda mais o bloqueio econômico que os Estados Unidos impõem a Havana por mais de meio século.

    O presidente de Cuba, Miguel Díaz-Canel, condenou neste sábado as novas sanções anunciadas pelo governo Donald Trump que buscam privar a ilha do acesso a moedas estrangeiras, piorando ainda mais o bloqueio econômico que os Estados Unidos impõem a Havana por mais de meio século.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 56/56   Paquistão se nega a abrir o espaço aéreo ao presidente da Índia
    BUSINESS TOPIC NEWS

    O Paquistão anunciou, neste sábado, que negou ao presidente indiano Ram Nath Kovind a autorização para atravessar seu espaço aéreo devido ao recente "comportamento" de Nova Délhi.

    O Paquistão anunciou, neste sábado, que negou ao presidente indiano Ram Nath Kovind a autorização para atravessar seu espaço aéreo devido ao recente "comportamento" de Nova Délhi.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.

 
 


       

A Síntese de Voz
A Microsoft SAPI 5 objeto ActiveX é necessária.
Na opção de segurança do seu navegador, você não deve desabilitar a inicialização de controles ActiveX não assinados.
Você pode instalar e utilizar qualquer Inglês voz compatível com SAPI 5.
(tais como o discurso componente da Microsoft).
Não Voz Título Título e Documento
Voz e Audio Output



Velocidade

 

 
Volume

 

 

Velocidade Slideshow (Quick para Lento)
Zero Um Dois Três Quatro Cinco
Blog e RSS Feed URLs
http://moblog.whmsoft.net/pt
http://moblog.whmsoft.net/pt/?feed=rss2

Subscribe to Notícias Fotos Slideshows by Email
Subscrite para o RSS feed com Google Subscrite para o RSS feed com Yahoo! Subscrite para o RSS feed com AOL Subscrite para o RSS feed com Bloglines
Subscrite para o RSS feed com Netvibes Subscrite para o RSS feed com Newsgator Subscrite para o RSS feed com Pageflakes Subscrite para o RSS feed com Rojo

Slideshows - Fotos Noticias - Desde Yahoo! Noticias
Esporte



Encontros

Comentar