Pesquisas Locais - Offerte
Endereços - Horários - Comentários
Informações Sobre o Tempo
Produtos Quentes

Noticias Fotos Slideshows
Celebridades, People, Sports, High Tech, vlrPhone
   

HOWTO - Respostas Ilustrado
 
Libertar a Animação VR / AR
Jogar para revelar imagens 3D e modelos 3D!
Demonstração A-Frame / Multiplayer
Android app on Google Play
 
vlrPhone / vlrFilter
Softphones projeto com baixo consumo de energia, velocidade e radiação / Filtro Multifuncional de Audio com Controle Remoto!



 

Noticias Slideshows (20/11/2019 19 horas)


  • 1/56   Noticias Fotos Slideshows
    PEOPLE TOPIC NEWS

    Noticias Fotos Slideshows - Tendências - Clique na imagem para visualizar na realidade aumentada ou em 3D estéreo

    Noticias Fotos Slideshows - Tendências - Clique na imagem para visualizar na realidade aumentada ou em 3D estéreo


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.


    Revista de Imprensa


    Grammy   Se o Flamengo   Galeão   FIFA 20   Coringa 2   Morgan Freeman   Lana   QUE TORCIDA É ESSA   Lizzo   Ninho   Billie   Halsey   EM DEZEMBRO DE 81   Coudet   ME LEVA NESSE MAR DE AMOR   Joker 2   Lil Nas X   SOTY   Konami   Old Town Road   Cereto   Gabriel Silva   Paramos o Rio   Always Remember Us This Way   E NO RIO NÃO TEM OUTRO IGUAL   Rolling Stone   Bad Guy   JOGUEM POR NÓS   Album Of The Year   SOMOS UMA NAÇÃO   Señorita   Bon Iver   
  • 2/56   Google Stadia é lançado oficialmente

    O Google Stadia, novo serviço de streaming de jogos, já se encontra disponível para jogadores de 14 países: EUA, Canadá,

    O Google Stadia, novo serviço de streaming de jogos, já se encontra disponível para jogadores de 14 países: EUA, Canadá,


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 3/56   Xiaomi anuncia o MiReader, e-reader para bater de frente com o Kindle

    Fabricante chinesa já havia dado a dica na semana passada e agora confirmou o dispositivo, que vem com um processador de quatro núcleos, 1 GB de RAM e 16 GB de armazenamento interno. O dispositivo usa sistema operacional Android 8.1 Oreo

    Fabricante chinesa já havia dado a dica na semana passada e agora confirmou o dispositivo, que vem com um processador de quatro núcleos, 1 GB de RAM e 16 GB de armazenamento interno. O dispositivo usa sistema operacional Android 8.1 Oreo


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 4/56   Página My Devices do Google agora também rastreia desktops

    O recurso, muito pedido pelos usuários do GSuite, já está disponível. Agora será possível limpar, bloquear e localizar qualquer notebook compatível com os serviços do Google e que esteja logado em sua conta

    O recurso, muito pedido pelos usuários do GSuite, já está disponível. Agora será possível limpar, bloquear e localizar qualquer notebook compatível com os serviços do Google e que esteja logado em sua conta


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 5/56   Aplicativo da Anatel facilita queixas contra operadoras

    Segundo a agência, a ideia é dar ao usuário cada vez mais informações e instrumentos para que, dotado de informações sobre preços e qualidade, ele “se torne um agente ativo na regulação do mercado”. Aplicativo está disponível para Android e iOS (iPhone)

    Segundo a agência, a ideia é dar ao usuário cada vez mais informações e instrumentos para que, dotado de informações sobre preços e qualidade, ele “se torne um agente ativo na regulação do mercado”. Aplicativo está disponível para Android e iOS (iPhone)


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 6/56   Apple quer atualizar e levar mais apps para o Windows, incluindo o Apple TV+

    Companhia já possui versões do iTunes e do iCloud para as máquinas da Microsoft, mas eles estão ultrapassados e precisam urgentemente de uma atualização. Companhia vem procurando engenheiros para ajudar nessa tarefa

    Companhia já possui versões do iTunes e do iCloud para as máquinas da Microsoft, mas eles estão ultrapassados e precisam urgentemente de uma atualização. Companhia vem procurando engenheiros para ajudar nessa tarefa


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 7/56   Google Assistant servirá como 'apresentador de notícias'

    O Google disse nesta terça-feira que seu assistente digital servirá como um "apresentador de notícias" em seus dispositivos conectados para entregar histórias de diversos parceiros de mídia.

    O Google disse nesta terça-feira que seu assistente digital servirá como um "apresentador de notícias" em seus dispositivos conectados para entregar histórias de diversos parceiros de mídia.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 8/56   Falha na câmera do Android permitia que hackers espionassem sua vida pessoal

    Vulnerabilidade que afetava os aplicativos Google Camera e Samsung Camera fazia com que, mesmo apps que não tinham permissão, conseguissem acessar a câmera do aparelho e tirar fotos, gravar vídeos e até mesmo obter sua localização por GPS

    Vulnerabilidade que afetava os aplicativos Google Camera e Samsung Camera fazia com que, mesmo apps que não tinham permissão, conseguissem acessar a câmera do aparelho e tirar fotos, gravar vídeos e até mesmo obter sua localização por GPS


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 9/56   Chega a hora da verdade para Stadia, o serviço de jogos on-line do Google

    O Google lançou nesta terça-feira o Stadia, um serviço on-line que permitirá a seus assinantes acessar jogos de alta qualidade em qualquer dispositivo com conexão à internet, com o qual pretende transformar para sempre o mundo dos videogames.

    O Google lançou nesta terça-feira o Stadia, um serviço on-line que permitirá a seus assinantes acessar jogos de alta qualidade em qualquer dispositivo com conexão à internet, com o qual pretende transformar para sempre o mundo dos videogames.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 10/56   Play Anywhere, programa da Microsoft, também incluirá o próximo Xbox

    Programa que permite que usuários comprem um jogo em uma plataforma e o joguem em outra também estará disponível na próxima geração de consoles da empresa; Halo: Infinite, que será lançado no PC, Xbox One e Scarlett, será o primeiro a contar com o recurso

    Programa que permite que usuários comprem um jogo em uma plataforma e o joguem em outra também estará disponível na próxima geração de consoles da empresa; Halo: Infinite, que será lançado no PC, Xbox One e Scarlett, será o primeiro a contar com o recurso


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 11/56   Twitter inaugura ferramenta de denúncia para função de listas

    Novidade estreia primeiro no iOS a partir de hoje, 19, seguindo para Android e desktop em algum momento nas próximas semanas; Função de listas permite adicionar usuários em grupos de temas específicos, mas há relatos de abuso, perseguição e assédio em seu uso

    Novidade estreia primeiro no iOS a partir de hoje, 19, seguindo para Android e desktop em algum momento nas próximas semanas; Função de listas permite adicionar usuários em grupos de temas específicos, mas há relatos de abuso, perseguição e assédio em seu uso


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 12/56   Em parceria com Apple, Salesforce lança dois apps exclusivos para iOS

    Gigante do CRM anunciou app de seus serviços Salesforce Mobile App com assistente virtual, integração com a Siri e segurança com Face ID. Outro programa é o Trailhead GO, versão mobile da plataforma de treinamentos

    Gigante do CRM anunciou app de seus serviços Salesforce Mobile App com assistente virtual, integração com a Siri e segurança com Face ID. Outro programa é o Trailhead GO, versão mobile da plataforma de treinamentos


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 13/56   Como conectar o Apple TV+ à sua TV

    O Apple TV+ chegou e está disponível em smart TVs e produtos Apple, como iPhones, iPads e Macs, mas também pode ser acessado em computadores com Windows através de um navegador de internet e conectado na TV por cabo HDMI

    O Apple TV+ chegou e está disponível em smart TVs e produtos Apple, como iPhones, iPads e Macs, mas também pode ser acessado em computadores com Windows através de um navegador de internet e conectado na TV por cabo HDMI


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 14/56   Diretor de produtos da Uber deixa o cargo e explica seus motivos

    Manik Gupta, que deixou o Google para integrar a Uber em 2015, ajudou a criar um ecossistema de produtos, com opções como Uber Rewards, o Uber Pro, o Uber Money e o Uber Wallet. Agora, ele diz que precisa de um tempo da companhia

    Manik Gupta, que deixou o Google para integrar a Uber em 2015, ajudou a criar um ecossistema de produtos, com opções como Uber Rewards, o Uber Pro, o Uber Money e o Uber Wallet. Agora, ele diz que precisa de um tempo da companhia


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 15/56   Conheça 10 fatos surpreendentes sobre Steve Jobs

    Steve Jobs, cofundador da Apple, é conhecido pela inovação e ousadia - mas também coleciona fatos inusitados na vida. Conheça eles

    Steve Jobs, cofundador da Apple, é conhecido pela inovação e ousadia - mas também coleciona fatos inusitados na vida. Conheça eles


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 16/56   10 fatos sobre Steve Jobs

    O co-fundador da Apple, Steve Jobs, foi uma das figuras mais admiradas da indústria da tecnologia e, também uma das mais controversas. Ele transformou a marca na empresa mais valiosa do mundo e, enquanto estava lá, transformou várias outras indústrias

O gênio por tás do ícone da maça foi demitido da própria empresa e voltou para transformá-la em uma referência mundial em vários setores. O visionário e empreendedor Steve Jobs é conhecido por todos, mas reunimos 10 fatos sobre sua vida que nem todo sabe.

    O co-fundador da Apple, Steve Jobs, foi uma das figuras mais admiradas da indústria da tecnologia e, também uma das mais controversas. Ele transformou a marca na empresa mais valiosa do mundo e, enquanto estava lá, transformou várias outras indústrias O gênio por tás do ícone da maça foi demitido da própria empresa e voltou para transformá-la em uma referência mundial em vários setores. O visionário e empreendedor Steve Jobs é conhecido por todos, mas reunimos 10 fatos sobre sua vida que nem todo sabe.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 17/56   Novo aplicativo da Apple reúne conteúdos para desenvolvedores em um só lugar

    Companhia percebeu que muito de seu conteúdo para programadores estava espalhado em várias plataformas e em e-mails que não vinham sendo abertos. Com a novidade, é possível reunir todo o conteúdo em um só lugar

    Companhia percebeu que muito de seu conteúdo para programadores estava espalhado em várias plataformas e em e-mails que não vinham sendo abertos. Com a novidade, é possível reunir todo o conteúdo em um só lugar


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 18/56   Suporte ao app da Cortana será encerrado pela Microsoft em alguns países

    O aplicativo da Cortana, assistente pessoal da Microsoft, será descontinuado em alguns países a partir do dia 31 de janeiro de 2020. O encerramento do suporte, ao menos por enquanto, não afeta o Brasil

    O aplicativo da Cortana, assistente pessoal da Microsoft, será descontinuado em alguns países a partir do dia 31 de janeiro de 2020. O encerramento do suporte, ao menos por enquanto, não afeta o Brasil


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 19/56   Apple marca evento misterioso sobre apps e games para o início de dezembro

    Maçã enviou convites para a imprensa e desenvolvedores sobre solenidade que acontece no dia 2 de dezembro, em Nova Iorque, e que terá transmissão ao vivo. Ainda não se sabe exatamente se teremos outras novidades envolvidas

    Maçã enviou convites para a imprensa e desenvolvedores sobre solenidade que acontece no dia 2 de dezembro, em Nova Iorque, e que terá transmissão ao vivo. Ainda não se sabe exatamente se teremos outras novidades envolvidas


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 20/56   Procurador-geral defende que Google exclua mensagens ofensivas mesmo sem ordem judicial

    Para Augusto Aras, ordens judicias só seriam necessárias para processos iniciados depois da vigência do novo marco civil da internet

    Para Augusto Aras, ordens judicias só seriam necessárias para processos iniciados depois da vigência do novo marco civil da internet


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 21/56   Inclusão no mercado de trabalho é tema urgente para 46% dos negros

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A inclusão no mercado de trabalho é o tema mais urgente para a população negra, segundo a pesquisa Consciência entre Urgências: Pautas e Potências da População Negra no Brasil, divulgada nesta segunda-feira (18) pelo Google Brasil. Na opinião de 46%, a colocação profissional é um dos assuntos prioritários para a vida das pessoas negras. O estudo foi realizado pela consultoria Mindset e pelo Instituto Datafolha e ouviu 1.200 pessoas pretas e pardas ao longo do último mês de outubro. As informações são da Agência Brasil. RACISMO ESTRUTURAL O racismo estrutural - tema que apareceu como mais discutido na pesquisa - também é apontado como um dos mais urgentes para a população negra (44%). Em relação ao racismo que permeia as instituições públicas e privadas no Brasil, foram levantados temas como a representatividade na política e o apagamento da história dos negros nos currículos escolares e universitários. Segundo o estudo, sete em cada dez negros não se sentem representados pelos governantes. Votar em candidatos negros é uma pauta importante para 61% da população negra, tendo mais apelo entre os menos favorecidos economicamente (73% entre as classes D e E) do que entre que estão melhor colocados socialmente – 47% nas classes A e B. Para 69%, as marcas comerciais tratam de forma superficial ou oportunista temas relacionados à negritude. FEMINISMO E GENOCÍDIO O feminismo negro foi apontado como tema urgente por 23% da população negra, seguido pelo genocídio dos negros (24%). O alto número de mortes violentas entre negros é uma preocupação maior para os maios jovens, chegando a 28% na faixa entre 16 e 34 anos de idade, mas caindo para 18% entre os com 60 anos ou mais. O sentimento de urgência em relação ao genocídio é maior entre aqueles com ensino superior (30%) e menor para as pessoas que estudaram apenas até o ensino fundamental (14%). Relação inversa ocorre com o feminismo negro, apontado como urgente para 18% das pessoas que têm ensino superior e para 30% das que só têm ensino fundamental. Em quinto lugar ficaram as políticas afirmativas, como cotas raciais, vistas como prioritárias para 19%. O sentimento de urgência para esse tipo de política é maior para os homens (23%) do que entre as mulheres (17%). ATIVISTAS A pesquisa mostrou que metade da população negra se considera ativista pelos direitos dessa parcela da sociedade. Sendo que esse sentimento é maior entre os mais pobres, atingindo o patamar de 63% nas classes D e E, do que entre os com melhor situação financeira, ficando em 31% nas classes A e B. Para 91% da população negra, o Dia da Consciência Negra – lembrado no dia 20 de novembro – é uma data importante para manter viva as histórias de heroísmo de negras e negros.

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A inclusão no mercado de trabalho é o tema mais urgente para a população negra, segundo a pesquisa Consciência entre Urgências: Pautas e Potências da População Negra no Brasil, divulgada nesta segunda-feira (18) pelo Google Brasil. Na opinião de 46%, a colocação profissional é um dos assuntos prioritários para a vida das pessoas negras. O estudo foi realizado pela consultoria Mindset e pelo Instituto Datafolha e ouviu 1.200 pessoas pretas e pardas ao longo do último mês de outubro. As informações são da Agência Brasil. RACISMO ESTRUTURAL O racismo estrutural - tema que apareceu como mais discutido na pesquisa - também é apontado como um dos mais urgentes para a população negra (44%). Em relação ao racismo que permeia as instituições públicas e privadas no Brasil, foram levantados temas como a representatividade na política e o apagamento da história dos negros nos currículos escolares e universitários. Segundo o estudo, sete em cada dez negros não se sentem representados pelos governantes. Votar em candidatos negros é uma pauta importante para 61% da população negra, tendo mais apelo entre os menos favorecidos economicamente (73% entre as classes D e E) do que entre que estão melhor colocados socialmente – 47% nas classes A e B. Para 69%, as marcas comerciais tratam de forma superficial ou oportunista temas relacionados à negritude. FEMINISMO E GENOCÍDIO O feminismo negro foi apontado como tema urgente por 23% da população negra, seguido pelo genocídio dos negros (24%). O alto número de mortes violentas entre negros é uma preocupação maior para os maios jovens, chegando a 28% na faixa entre 16 e 34 anos de idade, mas caindo para 18% entre os com 60 anos ou mais. O sentimento de urgência em relação ao genocídio é maior entre aqueles com ensino superior (30%) e menor para as pessoas que estudaram apenas até o ensino fundamental (14%). Relação inversa ocorre com o feminismo negro, apontado como urgente para 18% das pessoas que têm ensino superior e para 30% das que só têm ensino fundamental. Em quinto lugar ficaram as políticas afirmativas, como cotas raciais, vistas como prioritárias para 19%. O sentimento de urgência para esse tipo de política é maior para os homens (23%) do que entre as mulheres (17%). ATIVISTAS A pesquisa mostrou que metade da população negra se considera ativista pelos direitos dessa parcela da sociedade. Sendo que esse sentimento é maior entre os mais pobres, atingindo o patamar de 63% nas classes D e E, do que entre os com melhor situação financeira, ficando em 31% nas classes A e B. Para 91% da população negra, o Dia da Consciência Negra – lembrado no dia 20 de novembro – é uma data importante para manter viva as histórias de heroísmo de negras e negros.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 22/56   Google confirma recursos que não chegarão com o Stadia na sua data de lançamento

    O lançamento do Google Stadia, plataforma de streaming de games do Google, está marcado para acontecer nesta terça-feira, 19 de

    O lançamento do Google Stadia, plataforma de streaming de games do Google, está marcado para acontecer nesta terça-feira, 19 de


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 23/56   Apple libera atualização 13.2.3 para o iOS e o iPadOS

    Atualização disponibilizada para todos os iPhones e iPads da empresa nesta segunda-feira (18) não traz nenhuma mudança significativa, e apenas corrige alguns bugs de aplicativos e melhora a performance geral do sistema operacional

    Atualização disponibilizada para todos os iPhones e iPads da empresa nesta segunda-feira (18) não traz nenhuma mudança significativa, e apenas corrige alguns bugs de aplicativos e melhora a performance geral do sistema operacional


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 24/56   Bill Gates passa Jeff Bezos e se torna (de novo!) a pessoa mais rica do mundo

    Mais uma vez Bill Gates, fundador da Microsoft, está no topo do ranking das pessoas mais ricas do mundo. Nos últimos meses, a colocação era de Jeff Bezos, da Amazon, que acabou perdendo vários bilhões em 2019

    Mais uma vez Bill Gates, fundador da Microsoft, está no topo do ranking das pessoas mais ricas do mundo. Nos últimos meses, a colocação era de Jeff Bezos, da Amazon, que acabou perdendo vários bilhões em 2019


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 25/56   Windows 10: Microsoft corrige erro de busca que causava alto uso do HD

    Indexação de arquivos e conteúdos do sistema operacional gerava lentidão, principalmente, em computadores com discos rígidos. Recurso pode ser desligado sob certas condições, como forma de priorizar os recursos da máquina para outras atividades

    Indexação de arquivos e conteúdos do sistema operacional gerava lentidão, principalmente, em computadores com discos rígidos. Recurso pode ser desligado sob certas condições, como forma de priorizar os recursos da máquina para outras atividades


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 26/56   Por que o iPhone é mais seguro contra vírus?

    O iPhone costuma possuir maior segurança contra vírus do que outros smartphones. Isso se deve a uma proteção especial contida na App Store, que comporta todos os aplicativos baixados em sandboxes. No entanto, outros cuidados se tornam necessários ao utilizar o aparelho

    O iPhone costuma possuir maior segurança contra vírus do que outros smartphones. Isso se deve a uma proteção especial contida na App Store, que comporta todos os aplicativos baixados em sandboxes. No entanto, outros cuidados se tornam necessários ao utilizar o aparelho


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 27/56   metrô-fantasma Londres
    SCIENCE TOPIC NEWS

    O Museu de Transportes de Londres organiza passeios pelas estações abandonadas do metrô mais antigo do mundo que serviram de abrigo durante os bombardeios na Segunda Guerra Mundial e até cenário de filmes.

    O Museu de Transportes de Londres organiza passeios pelas estações abandonadas do metrô mais antigo do mundo que serviram de abrigo durante os bombardeios na Segunda Guerra Mundial e até cenário de filmes.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 28/56   Casa onde Hitler nasceu será transformada em delegacia de polícia
    SCIENCE TOPIC NEWS

    A casa onde Adolf Hitler nasceu será transformada em uma delegacia de polícia, anunciou o Ministério do Interior da Áustria nesta terça-feira (19), após anos de disputas legais, conforme o governo tenta impedir que o prédio se torne um santuário nazista.

    A casa onde Adolf Hitler nasceu será transformada em uma delegacia de polícia, anunciou o Ministério do Interior da Áustria nesta terça-feira (19), após anos de disputas legais, conforme o governo tenta impedir que o prédio se torne um santuário nazista.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 29/56   Bolsonaro recebe CEO da Huawei para discutir 5G
    SCIENCE TOPIC NEWS

    Na reunião, "não foi feita a proposta, ele apenas mostrou que quer o 5G no Brasil, mostrou apenas como está a empresa dele no Brasil", revelou Bolsonaro

    Na reunião, "não foi feita a proposta, ele apenas mostrou que quer o 5G no Brasil, mostrou apenas como está a empresa dele no Brasil", revelou Bolsonaro


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 30/56   'Masculinidade tóxica' reduz expectativa de vida de homens na América, diz OPS
    SCIENCE TOPIC NEWS

    A "masculinidade tóxica" reduz expectativa de vida de homens na América, indica um estudo da Organização Pan-Americana da Saúde (OPS) publicado nesta segunda-feira às vésperas do Dia Internacional do Homem.

    A "masculinidade tóxica" reduz expectativa de vida de homens na América, indica um estudo da Organização Pan-Americana da Saúde (OPS) publicado nesta segunda-feira às vésperas do Dia Internacional do Homem.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 31/56   Médico de Trump nega boatos sobre dor no peito do presidente
    SCIENCE TOPIC NEWS

    O médico de Donald Trump afirmou, nesta segunda-feira, que a saúde do presidente dos Estados Unidos está bem, após uma revisão "planejada e de rotina", rejeitando os boatos de que o presidente sofreu uma dor no peito.

    O médico de Donald Trump afirmou, nesta segunda-feira, que a saúde do presidente dos Estados Unidos está bem, após uma revisão "planejada e de rotina", rejeitando os boatos de que o presidente sofreu uma dor no peito.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 32/56   O que falar durante o sexo?
    SCIENCE TOPIC NEWS

    O “dirty talk”, prática de falar sacanagem durante o sexo, pode ser uma ferramenta para aumentar o prazer do casal. No entanto, muitos têm medo de cair na vulgaridade e fugir do objetivo. Mas como começar?

    O “dirty talk”, prática de falar sacanagem durante o sexo, pode ser uma ferramenta para aumentar o prazer do casal. No entanto, muitos têm medo de cair na vulgaridade e fugir do objetivo. Mas como começar?


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 33/56   Crianças transgênero se sentem tão meninas ou meninos quanto as cisgênero
    SCIENCE TOPIC NEWS

    Crianças transgênero se sentem tão meninas ou meninos quanto seus equivalentes não transgênero, de acordo com um grande estudo realizado com crianças americanas que permitiu que observadores vissem como os jovens se enquadram nas normas sociais de gênero.

    Crianças transgênero se sentem tão meninas ou meninos quanto seus equivalentes não transgênero, de acordo com um grande estudo realizado com crianças americanas que permitiu que observadores vissem como os jovens se enquadram nas normas sociais de gênero.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 34/56   Califórnia processa Juul por campanha direcionada a jovens sem alertar para riscos
    SCIENCE TOPIC NEWS

    A Califórnia abriu um processo contra a marca líder de cigarros eletrônicos Juul nesta segunda-feira, acusando-a de desenvolver uma estratégia de marketing focada na conquista de menores de idade para adquirir seu produto.

    A Califórnia abriu um processo contra a marca líder de cigarros eletrônicos Juul nesta segunda-feira, acusando-a de desenvolver uma estratégia de marketing focada na conquista de menores de idade para adquirir seu produto.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 35/56   Crianças trans se sentem tão meninas e meninos quanto as não trans, diz estudo
    SCIENCE TOPIC NEWS

    Os meninos e meninas transgênero não se sentem menos meninos ou meninas do que as não trans, segundo um amplo estudo realizado nos Estados Unidos, que revelou como são ajustadas as normas de gênero.

    Os meninos e meninas transgênero não se sentem menos meninos ou meninas do que as não trans, segundo um amplo estudo realizado nos Estados Unidos, que revelou como são ajustadas as normas de gênero.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 36/56   Acesso ao aborto progrediu no mundo nos últimos 25 anos
    SCIENCE TOPIC NEWS

    O acesso ao aborto seguro progrediu de forma geral no mundo desde o início dos anos 1990, mas também deu alguns passos atrás em alguns países onde esta prática é criminalizada.

    O acesso ao aborto seguro progrediu de forma geral no mundo desde o início dos anos 1990, mas também deu alguns passos atrás em alguns países onde esta prática é criminalizada.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 37/56   Manifestantes bloqueiam vias para duas pontes estratégicas do sul do Iraque
    WORLD TOPIC NEWS

    Manifestantes antigovernamentais no sul do Iraque fecharam nesta quarta-feira as estradas que levam a dois grandes portos e a um importante campo petrolífero, informou uma autoridade portuária, o que causou uma breve interrupção da atividade.

    Manifestantes antigovernamentais no sul do Iraque fecharam nesta quarta-feira as estradas que levam a dois grandes portos e a um importante campo petrolífero, informou uma autoridade portuária, o que causou uma breve interrupção da atividade.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 38/56   Presidente interina quer convocar eleições na Bolívia nas próximas horas
    WORLD TOPIC NEWS

    A presidente interina da Bolívia, Jeanine Áñez, anunciou que convocará, nas próximas horas nesta quarta-feira (20), eleições gerais, uma demanda de vários setores da sociedade após as anuladas eleições de 20 de outubro.

    A presidente interina da Bolívia, Jeanine Áñez, anunciou que convocará, nas próximas horas nesta quarta-feira (20), eleições gerais, uma demanda de vários setores da sociedade após as anuladas eleições de 20 de outubro.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 39/56   Lula pede juízo ao Congresso em discussão sobre volta da prisão após 2ª instância
    WORLD TOPIC NEWS

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em sua primeira entrevista após sair da prisão, o ex-presidente Lula (PT) pediu nesta quarta-feira (20) que o Congresso tenha juízo ao analisar proposta que pode alterar a Constituição para permitir o cumprimento de pena após condenação em segunda instância. A mudança significaria a volta do petista à cadeia.  "Espero que o Congresso Nacional tenha juízo. Constituição não é um manuscrito que pode jogar fora toda hora", afirmou o ex-presidente. Para Lula, a elite brasileira conservadora diz que a Constituição é um atraso pois não gostam de mecanismos de proteção e garantias sociais.  A entrevista foi concedida ao canal Nocaute, do jornalista e escritor Fernando Morais. Ao abrir a conversa, Morais afirmou que seu veículo ajudou na briga para que Lula fosse solto.  Lula afirmou que o que mais deseja é a anulação do processo do tríplex em Guarujá (SP), e voltou a fazer críticas ao ex-juiz Sergio Moro, responsável pelas ações da Lava Jato e hoje ministro da Justiça, e Deltan Dallagnol, chefe da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba. "Quem montou quadrilha nesse país foi Moro e Dallagnol", disse o petista.  O ex-presidente chamou Dallagnol de "moleque irresponsável e desaforado".  A defesa de Lula busca a anulação do processo por considerar que o julgamento de Moro foi parcial. Conversas dos procuradores da Lava Jato reveladas pelo The Intercept Brasil e publicadas também pela Folha de S.Paulo mostram que Moro orientou os acusadores e mantinha próxima relação com eles.  Lula pediu que a "Suprema Corte tenha sabedoria" ao decidir sobre a anulação. "Se eu tiver culpa, provem e me punam. Agora se provar que Moro fez sacanagem, má-fé, foi mal caráter, que ele seja punido, pelo bem da instituição", disse.  "Para que o país volte a normalidade, meu processo tem que ser anulado e os responsáveis presos", completou.  Lula afirmou ainda que é um cara esperançoso, que acredita nas instituições e que pretende andar pelo país para "levantar o moral da tropa", ressaltando que o país nunca teve um governo tão ruim como o de Jair Bolsonaro (PSL). "Não me peçam paciência com Bolsonaro, Moro e Dallagnol", disse ao responder se saíra da prisão disposto a brigar. "Eu sou de bem, mas também sou de brigar, estou defendendo a minha honra", completou.  Ao mesmo tempo, Lula disse não guardar mágoas políticas de figuras como Marta Suplicy (sem partido) e Ciro Gomes (PDT).  Lula repetiu que o "PT nasceu para polarizar", ao comentar as análises de que solto ele iria aumentar a polarização com Bolsonaro.  "Se você tiver um partido que não queira polarizar, não tenha partido. [...] Vamos polarizar em 2022. [...] O PT tem que polarizar mesmo, tem que disputar pra valer", afirmou.  Questionado sobre as eleições de 2020, o petista afirmou que o PT deve ter candidato próprio --embora não seja contra alianças com partidos de esquerda. "Um partido do tamanho do PT tem que ter candidato para defender as teses do partido. [...] Tem que se defender na TV dos ataques de que foi vítima", disse.  Para Lula, a lógica dos dois turnos é para que os partidos que tenham candidatos os lancem no primeiro turno, e que depois a esquerda se apoie no segundo turno.  "As pessoas tem que ter candidaturas competitivas para ser cabeça de chapa, o dado concreto é que não têm. [...] PT pode fazer aliança, mas as pessoas têm que apresentar quadros melhores do que os do PT", afirmou.  Lula voltou a descartar uma autocrítica do PT, dizendo que o partido teve mais acertos que erros. "PT é o partido de esquerda mais importante da América Latina, não vamos abrir mão da nossa grandeza", declarou.

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em sua primeira entrevista após sair da prisão, o ex-presidente Lula (PT) pediu nesta quarta-feira (20) que o Congresso tenha juízo ao analisar proposta que pode alterar a Constituição para permitir o cumprimento de pena após condenação em segunda instância. A mudança significaria a volta do petista à cadeia.  "Espero que o Congresso Nacional tenha juízo. Constituição não é um manuscrito que pode jogar fora toda hora", afirmou o ex-presidente. Para Lula, a elite brasileira conservadora diz que a Constituição é um atraso pois não gostam de mecanismos de proteção e garantias sociais.  A entrevista foi concedida ao canal Nocaute, do jornalista e escritor Fernando Morais. Ao abrir a conversa, Morais afirmou que seu veículo ajudou na briga para que Lula fosse solto.  Lula afirmou que o que mais deseja é a anulação do processo do tríplex em Guarujá (SP), e voltou a fazer críticas ao ex-juiz Sergio Moro, responsável pelas ações da Lava Jato e hoje ministro da Justiça, e Deltan Dallagnol, chefe da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba. "Quem montou quadrilha nesse país foi Moro e Dallagnol", disse o petista.  O ex-presidente chamou Dallagnol de "moleque irresponsável e desaforado".  A defesa de Lula busca a anulação do processo por considerar que o julgamento de Moro foi parcial. Conversas dos procuradores da Lava Jato reveladas pelo The Intercept Brasil e publicadas também pela Folha de S.Paulo mostram que Moro orientou os acusadores e mantinha próxima relação com eles.  Lula pediu que a "Suprema Corte tenha sabedoria" ao decidir sobre a anulação. "Se eu tiver culpa, provem e me punam. Agora se provar que Moro fez sacanagem, má-fé, foi mal caráter, que ele seja punido, pelo bem da instituição", disse.  "Para que o país volte a normalidade, meu processo tem que ser anulado e os responsáveis presos", completou.  Lula afirmou ainda que é um cara esperançoso, que acredita nas instituições e que pretende andar pelo país para "levantar o moral da tropa", ressaltando que o país nunca teve um governo tão ruim como o de Jair Bolsonaro (PSL). "Não me peçam paciência com Bolsonaro, Moro e Dallagnol", disse ao responder se saíra da prisão disposto a brigar. "Eu sou de bem, mas também sou de brigar, estou defendendo a minha honra", completou.  Ao mesmo tempo, Lula disse não guardar mágoas políticas de figuras como Marta Suplicy (sem partido) e Ciro Gomes (PDT).  Lula repetiu que o "PT nasceu para polarizar", ao comentar as análises de que solto ele iria aumentar a polarização com Bolsonaro.  "Se você tiver um partido que não queira polarizar, não tenha partido. [...] Vamos polarizar em 2022. [...] O PT tem que polarizar mesmo, tem que disputar pra valer", afirmou.  Questionado sobre as eleições de 2020, o petista afirmou que o PT deve ter candidato próprio --embora não seja contra alianças com partidos de esquerda. "Um partido do tamanho do PT tem que ter candidato para defender as teses do partido. [...] Tem que se defender na TV dos ataques de que foi vítima", disse.  Para Lula, a lógica dos dois turnos é para que os partidos que tenham candidatos os lancem no primeiro turno, e que depois a esquerda se apoie no segundo turno.  "As pessoas tem que ter candidaturas competitivas para ser cabeça de chapa, o dado concreto é que não têm. [...] PT pode fazer aliança, mas as pessoas têm que apresentar quadros melhores do que os do PT", afirmou.  Lula voltou a descartar uma autocrítica do PT, dizendo que o partido teve mais acertos que erros. "PT é o partido de esquerda mais importante da América Latina, não vamos abrir mão da nossa grandeza", declarou.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 40/56   Vaticano critica decisão dos EUA sobre colônias israelenses
    WORLD TOPIC NEWS

    O Vaticano criticou nesta quarta-feira a decisão dos Estados Unidos de deixar de considerar ilegais as colônias israelenses e se juntou às críticas internacionais sobre essa mudança na política externa americana.

    O Vaticano criticou nesta quarta-feira a decisão dos Estados Unidos de deixar de considerar ilegais as colônias israelenses e se juntou às críticas internacionais sobre essa mudança na política externa americana.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 41/56   Veja o que se sabe até agora sobre convite para Moro assumir ministério de Bolsonaro
    WORLD TOPIC NEWS

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Uma entrevista do ex-ministro Gustavo Bebianno ao jornalista Fábio Pannunzio reacendeu a polêmica sobre o convite do presidente Jair Bolsonaro ao ex-juiz da Lava Jato Sergio Moro para assumir o Ministério da Justiça. Ex-secretário-geral da Presidência e homem forte da campanha eleitoral do PSL em 2018, Bebianno diz que ouviu de Paulo Guedes que Moro foi sondado pelo hoje ministro da Economia antes do segundo turno das eleições. Moro afirma que tratou do assunto na semana anterior ao segundo turno, realizado no dia 28 de outubro, e que o convite oficial foi feito em novembro, após o resultado. Moro rebateu nesta quarta (20) coluna de Elio Gaspari, publicada na Folha, sobre o convite. No texto "O mistério do convite a Moro", Gaspari trata da entrevista de Bebianno a Fábio Pannunzio. Quando Bolsonaro sondou Moro pela primeira vez para o Ministério da Justiça?  Segundo relatos, o hoje ministro da Economia, Paulo Guedes, foi responsável pelos primeiros contatos com o então juiz Sergio Moro ainda durante a campanha eleitoral. Foram cerca de cinco conversas até a sondagem definitiva, no dia 23 de outubro de 2018 -antes do segundo turno da eleição, realizado no dia 28. Quando Bolsonaro fez o convite?  O convite formal foi feito em 1º de novembro de 2018, quando Moro e Bolsonaro, já presidente eleito, se encontraram pela primeira vez, no Rio de Janeiro. O que diz o ex-ministro Gustavo Bebianno? Segundo o ex-secretário-geral da Presidência, Guedes lhe contou ter conversado com Moro "cinco ou seis vezes" antes do segundo turno das eleições do ano passado sobre a possibilidade de assumir o ministério da Justiça. A versão de Moro De acordo com o ex-juiz, na semana anterior ao segundo turno ele foi sondado por Guedes e somente após o resultado recebeu o convite oficial de Bolsonaro. Segundo ele, não havia até então nenhum relacionamento ou quaisquer tratativas com Bolsonaro ou Guedes. O compromisso sobre indicar Moro ao Supremo Tribunal Federal foi algo tratado desde o início?  Aliados de Bolsonaro afirmam que, durante a conversa do dia 1º de novembro, em que foi feito o convite para o ministério, ele acenou com a possibilidade de indicá-lo ao STF. O que Moro disse sobre o assunto?  Em entrevista em maio, Moro afirmou que jamais estabeleceu a vaga no Supremo como condição para ser ministro. "Quando nós conversamos, bem, eu estava abandonando 22 anos de magistratura e aqui no Brasil é um caminho sem volta, é um certo sacrifício. [...] Eu acho que o presidente, tendo em vista essa situação, se sentiu com esse compromisso de oferecer essa vaga quando surgir no futuro." E Bolsonaro?  Em um primeiro momento, Bolsonaro disse que firmou um compromisso com Moro. Depois, voltou atrás e afirmou que não houve acordo prévio. "Não teve nenhum acordo, nada." A indicação ao STF foi uma condição para Moro assumir o ministério? De acordo com aliados do presidente, tratou-se apenas de um atrativo para Moro integrar o ministério.

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Uma entrevista do ex-ministro Gustavo Bebianno ao jornalista Fábio Pannunzio reacendeu a polêmica sobre o convite do presidente Jair Bolsonaro ao ex-juiz da Lava Jato Sergio Moro para assumir o Ministério da Justiça. Ex-secretário-geral da Presidência e homem forte da campanha eleitoral do PSL em 2018, Bebianno diz que ouviu de Paulo Guedes que Moro foi sondado pelo hoje ministro da Economia antes do segundo turno das eleições. Moro afirma que tratou do assunto na semana anterior ao segundo turno, realizado no dia 28 de outubro, e que o convite oficial foi feito em novembro, após o resultado. Moro rebateu nesta quarta (20) coluna de Elio Gaspari, publicada na Folha, sobre o convite. No texto "O mistério do convite a Moro", Gaspari trata da entrevista de Bebianno a Fábio Pannunzio. Quando Bolsonaro sondou Moro pela primeira vez para o Ministério da Justiça?  Segundo relatos, o hoje ministro da Economia, Paulo Guedes, foi responsável pelos primeiros contatos com o então juiz Sergio Moro ainda durante a campanha eleitoral. Foram cerca de cinco conversas até a sondagem definitiva, no dia 23 de outubro de 2018 -antes do segundo turno da eleição, realizado no dia 28. Quando Bolsonaro fez o convite?  O convite formal foi feito em 1º de novembro de 2018, quando Moro e Bolsonaro, já presidente eleito, se encontraram pela primeira vez, no Rio de Janeiro. O que diz o ex-ministro Gustavo Bebianno? Segundo o ex-secretário-geral da Presidência, Guedes lhe contou ter conversado com Moro "cinco ou seis vezes" antes do segundo turno das eleições do ano passado sobre a possibilidade de assumir o ministério da Justiça. A versão de Moro De acordo com o ex-juiz, na semana anterior ao segundo turno ele foi sondado por Guedes e somente após o resultado recebeu o convite oficial de Bolsonaro. Segundo ele, não havia até então nenhum relacionamento ou quaisquer tratativas com Bolsonaro ou Guedes. O compromisso sobre indicar Moro ao Supremo Tribunal Federal foi algo tratado desde o início?  Aliados de Bolsonaro afirmam que, durante a conversa do dia 1º de novembro, em que foi feito o convite para o ministério, ele acenou com a possibilidade de indicá-lo ao STF. O que Moro disse sobre o assunto?  Em entrevista em maio, Moro afirmou que jamais estabeleceu a vaga no Supremo como condição para ser ministro. "Quando nós conversamos, bem, eu estava abandonando 22 anos de magistratura e aqui no Brasil é um caminho sem volta, é um certo sacrifício. [...] Eu acho que o presidente, tendo em vista essa situação, se sentiu com esse compromisso de oferecer essa vaga quando surgir no futuro." E Bolsonaro?  Em um primeiro momento, Bolsonaro disse que firmou um compromisso com Moro. Depois, voltou atrás e afirmou que não houve acordo prévio. "Não teve nenhum acordo, nada." A indicação ao STF foi uma condição para Moro assumir o ministério? De acordo com aliados do presidente, tratou-se apenas de um atrativo para Moro integrar o ministério.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 42/56   Líderes iranianos comemoram vitória sobre 'conspiração dos inimigos'
    WORLD TOPIC NEWS

    O Irã saiu "vitorioso" e unido dos distúrbios dos últimos dias, declarou nesta quarta-feira o presidente Hassan Rouhani, referindo-se a manifestações violentas em todo o país pelo aumento do preço da gasolina, que, segundo ONGs e a ONU, teriam deixado dezenas de mortos.

    O Irã saiu "vitorioso" e unido dos distúrbios dos últimos dias, declarou nesta quarta-feira o presidente Hassan Rouhani, referindo-se a manifestações violentas em todo o país pelo aumento do preço da gasolina, que, segundo ONGs e a ONU, teriam deixado dezenas de mortos.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 43/56   Israel reivindica ataques em "larga escala" na Síria
    WORLD TOPIC NEWS

    O Exército israelense reivindicou na manhã desta quarta-feira (20) uma série de ataques aéreos "em larga escala" contra locais militares na Síria, que mataram cerca de 20 "combatentes", segundo uma ONG, "em resposta" ao lançamento de foguetes no dia anterior.

    O Exército israelense reivindicou na manhã desta quarta-feira (20) uma série de ataques aéreos "em larga escala" contra locais militares na Síria, que mataram cerca de 20 "combatentes", segundo uma ONG, "em resposta" ao lançamento de foguetes no dia anterior.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 44/56   Ex-ministro do STF acusa Palocci de fraude processual em delação
    WORLD TOPIC NEWS

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ex-ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Eros Grau apresentou uma petição à 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo em que acusa o ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci de mentir em uma delação premiada e de tentar fraudar a Justiça. Eros Grau foi contratado pela família do ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos (morto em 2014), a quem Palocci acusa de tê-lo subornado. No ano passado, o ex-ministro da Fazenda afirmou à Polícia Federal em sua colaboração premiada que, em 2010, Thomaz Bastos lhe pagou propina de R$ 1,5 milhão para que ajudasse a enterrar a Operação Castelo de Areia, que investigava a empreiteira Camargo Corrêa por supostos crimes financeiros e de lavagem de dinheiro. Thomaz Bastos era advogado da construtora e teria acionado Palocci para atuar junto à cúpula do PT, que então estava no governo federal, e ao STJ (Superior Tribunal de Justiça) para que as investigações contra a empresa fossem suspensas. Em 2011, a corte acatou o pedido e o caso foi arquivado. Palocci apresentou como prova do suposto suborno um contrato de consultoria financeira assinado com o escritório do advogado em 1º de dezembro de 2009. Segundo ele, a papelada era fictícia e servia apenas para acobertar o pagamento da propina. O documento, no entanto, já tinha sido usado pelo próprio ex-petista para se defender em uma outra investigação, aberta em 2011, que investigava as consultorias que prestava para empresários. Na época, Palocci era ministro da Casa Civil do governo da então presidente Dilma Rousseff e teve que explicar por que recebeu R$ 20 milhões de companhias por meio de sua empresa, a Projeto. Palocci apresentou então ao Ministério Público Federal o mesmo contrato firmado com Márcio Thomaz Bastos para justificar um dos pagamentos que recebeu. Segundo sua defesa afirmou às autoridades, o documento correspondia a uma consultoria prestada para a fusão do Pão de Açúcar com as Casas Bahia. Márcio Thomaz Bastos advogava para as empresas e teria contratado Palocci para auxiliá-las. Ou seja, o ex-ministro da Fazenda teria usado o mesmo documento para contar uma história ao Ministério Público Federal, em 2011, e outra à Justiça sete anos depois. O escritório de Eros Grau sustenta que a primeira justificativa, de 2011, é a verdadeira. E diz ter apresentado planilhas do computador de Thomaz Bastos, além do livro-caixa de seu escritório, como prova. Neles aparecem pagamentos feitos pelo Pão de Açúcar ao advogado e que teriam sido repassados a Palocci. Em 2011, o próprio Grupo Pão de Açúcar apresentou ao Ministério Público Federal uma declaração oficial afirmando que o escritório de Thomaz Bastos de fato prestava serviços para viabilizar a fusão com as Casas Bahia e que ele havia contratado a consultoria de Palocci para ajudar no negócio. "As afirmações de Antonio Palocci em sua delação são inverídicas e consubstanciam fraude processual afrontosa à honra de Márcio Thomaz Bastos", diz Eros Grau na petição apresentada à 6ª Vara Federal Criminal. A defesa de Antonio Palocci não nega que o contrato apresentado em 2011 ao Ministério Público Federal seja o mesmo que agora reapareceu na delação premiada de 2018. Afirma, no entanto, que, oito anos atrás, o ex-ministro da Fazenda não revelou às autoridades qual era "o verdadeiro escopo" do contrato porque não estava colaborando com a Justiça nem tinha o compromisso de dizer a verdade. O contexto seria outro em 2018, quando ele depôs como delator. "Nesta condição, confrontado com documentos e provas apresentados pelas autoridades, ele detalhou o que era lícito e o que era ilícito nessas tratativas", afirma o advogado Tracy Reinaldet. Segundo a nova versão de Palocci, o contrato de R$ 1,5 milhão foi feito de fato para justificar o pagamento da propina pela atuação no caso da Camargo Corrêa. Outros valores que recebeu de Thomaz Bastos, que segundo ele chegam a cerca de R$ 4 milhões, corresponderiam à consultoria prestada ao Grupo Pão de Açúcar. A família de Thomaz Bastos pede a revogação imediata da quebra do sigilo bancário e fiscal do advogado, que foi determinada pela Justiça na semana passada. E solicita que o Ministério Público Federal analise os novos documentos apresentados à Justiça.

    SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ex-ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Eros Grau apresentou uma petição à 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo em que acusa o ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci de mentir em uma delação premiada e de tentar fraudar a Justiça. Eros Grau foi contratado pela família do ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos (morto em 2014), a quem Palocci acusa de tê-lo subornado. No ano passado, o ex-ministro da Fazenda afirmou à Polícia Federal em sua colaboração premiada que, em 2010, Thomaz Bastos lhe pagou propina de R$ 1,5 milhão para que ajudasse a enterrar a Operação Castelo de Areia, que investigava a empreiteira Camargo Corrêa por supostos crimes financeiros e de lavagem de dinheiro. Thomaz Bastos era advogado da construtora e teria acionado Palocci para atuar junto à cúpula do PT, que então estava no governo federal, e ao STJ (Superior Tribunal de Justiça) para que as investigações contra a empresa fossem suspensas. Em 2011, a corte acatou o pedido e o caso foi arquivado. Palocci apresentou como prova do suposto suborno um contrato de consultoria financeira assinado com o escritório do advogado em 1º de dezembro de 2009. Segundo ele, a papelada era fictícia e servia apenas para acobertar o pagamento da propina. O documento, no entanto, já tinha sido usado pelo próprio ex-petista para se defender em uma outra investigação, aberta em 2011, que investigava as consultorias que prestava para empresários. Na época, Palocci era ministro da Casa Civil do governo da então presidente Dilma Rousseff e teve que explicar por que recebeu R$ 20 milhões de companhias por meio de sua empresa, a Projeto. Palocci apresentou então ao Ministério Público Federal o mesmo contrato firmado com Márcio Thomaz Bastos para justificar um dos pagamentos que recebeu. Segundo sua defesa afirmou às autoridades, o documento correspondia a uma consultoria prestada para a fusão do Pão de Açúcar com as Casas Bahia. Márcio Thomaz Bastos advogava para as empresas e teria contratado Palocci para auxiliá-las. Ou seja, o ex-ministro da Fazenda teria usado o mesmo documento para contar uma história ao Ministério Público Federal, em 2011, e outra à Justiça sete anos depois. O escritório de Eros Grau sustenta que a primeira justificativa, de 2011, é a verdadeira. E diz ter apresentado planilhas do computador de Thomaz Bastos, além do livro-caixa de seu escritório, como prova. Neles aparecem pagamentos feitos pelo Pão de Açúcar ao advogado e que teriam sido repassados a Palocci. Em 2011, o próprio Grupo Pão de Açúcar apresentou ao Ministério Público Federal uma declaração oficial afirmando que o escritório de Thomaz Bastos de fato prestava serviços para viabilizar a fusão com as Casas Bahia e que ele havia contratado a consultoria de Palocci para ajudar no negócio. "As afirmações de Antonio Palocci em sua delação são inverídicas e consubstanciam fraude processual afrontosa à honra de Márcio Thomaz Bastos", diz Eros Grau na petição apresentada à 6ª Vara Federal Criminal. A defesa de Antonio Palocci não nega que o contrato apresentado em 2011 ao Ministério Público Federal seja o mesmo que agora reapareceu na delação premiada de 2018. Afirma, no entanto, que, oito anos atrás, o ex-ministro da Fazenda não revelou às autoridades qual era "o verdadeiro escopo" do contrato porque não estava colaborando com a Justiça nem tinha o compromisso de dizer a verdade. O contexto seria outro em 2018, quando ele depôs como delator. "Nesta condição, confrontado com documentos e provas apresentados pelas autoridades, ele detalhou o que era lícito e o que era ilícito nessas tratativas", afirma o advogado Tracy Reinaldet. Segundo a nova versão de Palocci, o contrato de R$ 1,5 milhão foi feito de fato para justificar o pagamento da propina pela atuação no caso da Camargo Corrêa. Outros valores que recebeu de Thomaz Bastos, que segundo ele chegam a cerca de R$ 4 milhões, corresponderiam à consultoria prestada ao Grupo Pão de Açúcar. A família de Thomaz Bastos pede a revogação imediata da quebra do sigilo bancário e fiscal do advogado, que foi determinada pela Justiça na semana passada. E solicita que o Ministério Público Federal analise os novos documentos apresentados à Justiça.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 45/56   Eleições nos EUA: pré-candidatos democratas debatem na TV com Buttigieg em ascensão
    WORLD TOPIC NEWS

    Dez pré-candidatos democratas à eleição presidencial de 2020 se enfrentam, nesta quarta-feira (20), no quinto debate transmitido pela televisão, em uma corrida ainda liderada pelo ex-vice-presidente Joe Biden, mas com o crescente protagonismo do prefeito Pete Buttigieg.

    Dez pré-candidatos democratas à eleição presidencial de 2020 se enfrentam, nesta quarta-feira (20), no quinto debate transmitido pela televisão, em uma corrida ainda liderada pelo ex-vice-presidente Joe Biden, mas com o crescente protagonismo do prefeito Pete Buttigieg.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 46/56   Toffoli busca descolar Flávio Bolsonaro de debate no STF sobre dados sigilosos
    WORLD TOPIC NEWS

    BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Relator do processo que discute o repasse de dados bancários sigilosos de órgãos de controle -como a Receita e o antigo Coaf- para o Ministério Público, o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Dias Toffoli, buscou descolar o debate realizado no plenário nesta quarta-feira (20) do caso do senador Flávio Bolsonaro (de saída do PSL-RJ). "Aqui não está em julgamento o senador Flávio Bolsonaro", afirmou, ao iniciar seu voto nesta manhã. O ministro classificou a relação entre Flávio e o processo em julgamento de "lenda urbana". A sessão plenária foi suspensa por volta das 12h e será retomada a partir das 14h30. O voto de Toffoli ainda não terminou, mas o ministro já deu indícios de que considera necessário impor limites ao repasse de informações sigilosas. Flávio é investigado pelo Ministério Público do Rio sob suspeita de ter desviado parte dos salários de servidores de seu antigo gabinete na Assembleia Legislativa, prática conhecida como "rachadinha". O inquérito sobre o senador, filho do presidente Jair Bolsonaro, foi paralisado após decisão de Toffoli, de julho, que suspendeu todas as apurações e ações penais do país que usaram dados detalhados de órgãos de controle, como a Receita e o antigo Coaf (rebatizado de UIF, Unidade de Inteligência Financeira). Naquela ocasião, Toffoli atendeu a um pedido da defesa de Flávio. O julgamento desta quarta-feira pode levar à anulação da investigação sobre o senador, além de centenas de outras -consequentemente, a discussão está, na prática, atrelada ao caso do filho do presidente. A investigação sobre Flávio no Rio de Janeiro partiu de relatórios do antigo Coaf. O órgão apontou movimentações de R$ 1,2 milhão, consideradas atípicas, nas contas do ex-assessor Fabrício Queiroz. Segundo levantamento da PGR (Procuradora-Geral da República), a decisão de Toffoli de julho resultou na paralisação de ao menos 935 investigações e ações penais no país, além do inquérito sobre Flávio. Ao iniciar seu voto, Toffoli também procurou esclarecer outros aspectos do processo que, para ele, estavam confusos. Ele afirmou que, diferentemente do que sugerem as manifestações da PGR, os procuradores solicitam, sim, relatórios de inteligência financeira à UIF. Segundo dados que Toffoli obteve com a UIF, nos últimos três anos a unidade repassou de forma espontânea ao Ministério Público Federal 1.607 relatórios de inteligência financeira (RIFs) e fez outros 1.165 "por requerimento" de procuradores. A partir desses números, o ministro buscou justificar uma decisão polêmica de 25 de outubro, revelada pela Folha na semana passada, que determinou à UIF que lhe enviasse cópias de todos os relatórios financeiros produzidos nos últimos três anos -documentos que citavam dados sigilosos de 600 mil pessoas físicas e jurídicas. Em vez de enviar cópias, a UIF deu ao ministro uma espécie de senha de acesso ao seu sistema eletrônico. Sob críticas de procuradores, que viram uma "devassa" nessa determinação, Toffoli a revogou, afirmando não ter acessado o sistema da UIF para consultar os dados sigilosos -que incluíam vários políticos e autoridades com prerrogativa de foro por função. "Para chegar a receber esses dados foi necessário dar uma decisão bastante dura, na qual eu não fiz acesso, não fiz cadastro [no sistema da UIF para olhar os relatórios], mas, se não fosse aquela decisão, jamais eu teria obtido esses dados", justificou o ministro. Em julgamento está um recurso extraordinário que começou com um caso específico de um posto de gasolina no interior de São Paulo que teria sonegado impostos. Como o processo tem repercussão geral, esse caso específico -em que houve repasse de dados da Receita para o Ministério Público- servirá para que o tribunal discuta a tese, de modo genérico e com impacto em todos os processos semelhantes pelo país. No início da sessão desta manhã, o procurador-geral, Augusto Aras, defendeu o sistema vigente de repasse de informações para o Ministério Público e afirmou que o método é o mesmo adotado em 184 países. "O Brasil necessita respeitar esse sistema. É a credibilidade do sistema financeiro, é um momento crucial para o crescimento econômico do país que mantenhamos a estrutura [vigente] para a segurança jurídica dessas relações econômicas tão relevantes", disse. ENTENDA A DECISÃO DE TOFFOLI SOBRE O COAF O que Toffoli decidiu em julho? O presidente do Supremo suspendeu investigações criminais que envolvam relatórios com dados bancários detalhados sem que tenha havido autorização da Justiça -ainda que o inquérito tenha outros elementos que o embasem. A decisão atinge inquéritos de todas as instâncias baseados em informações de órgãos de controle, como o antigo Coaf (hoje UIF), Receita Federal e Banco Central. É esse o tema do julgamento desta quarta (20) O que seriam "dados detalhados"? Informações que vão além da identificação dos titulares das transações suspeitas e do valor movimentado O que isso tem a ver com Flávio Bolsonaro? A decisão de Toffoli atendeu a um pedido da defesa do senador e paralisou a investigação do MP-RJ que envolve Flávio e seu ex-assessor Fabrício Queiroz. A apuração começou com o envio à Promotoria de um relatório do Coaf apontando movimentações atípicas de R$ 1,2 milhão na conta de Queiroz O que está sendo investigado sobre Flávio? O MP-RJ apura se houve "rachadinha" no gabinete de Flávio quando ele era deputado estadual no RJ. Nesse esquema, servidores devolvem parte do salário aos deputados. Há suspeita de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa

    BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Relator do processo que discute o repasse de dados bancários sigilosos de órgãos de controle -como a Receita e o antigo Coaf- para o Ministério Público, o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Dias Toffoli, buscou descolar o debate realizado no plenário nesta quarta-feira (20) do caso do senador Flávio Bolsonaro (de saída do PSL-RJ). "Aqui não está em julgamento o senador Flávio Bolsonaro", afirmou, ao iniciar seu voto nesta manhã. O ministro classificou a relação entre Flávio e o processo em julgamento de "lenda urbana". A sessão plenária foi suspensa por volta das 12h e será retomada a partir das 14h30. O voto de Toffoli ainda não terminou, mas o ministro já deu indícios de que considera necessário impor limites ao repasse de informações sigilosas. Flávio é investigado pelo Ministério Público do Rio sob suspeita de ter desviado parte dos salários de servidores de seu antigo gabinete na Assembleia Legislativa, prática conhecida como "rachadinha". O inquérito sobre o senador, filho do presidente Jair Bolsonaro, foi paralisado após decisão de Toffoli, de julho, que suspendeu todas as apurações e ações penais do país que usaram dados detalhados de órgãos de controle, como a Receita e o antigo Coaf (rebatizado de UIF, Unidade de Inteligência Financeira). Naquela ocasião, Toffoli atendeu a um pedido da defesa de Flávio. O julgamento desta quarta-feira pode levar à anulação da investigação sobre o senador, além de centenas de outras -consequentemente, a discussão está, na prática, atrelada ao caso do filho do presidente. A investigação sobre Flávio no Rio de Janeiro partiu de relatórios do antigo Coaf. O órgão apontou movimentações de R$ 1,2 milhão, consideradas atípicas, nas contas do ex-assessor Fabrício Queiroz. Segundo levantamento da PGR (Procuradora-Geral da República), a decisão de Toffoli de julho resultou na paralisação de ao menos 935 investigações e ações penais no país, além do inquérito sobre Flávio. Ao iniciar seu voto, Toffoli também procurou esclarecer outros aspectos do processo que, para ele, estavam confusos. Ele afirmou que, diferentemente do que sugerem as manifestações da PGR, os procuradores solicitam, sim, relatórios de inteligência financeira à UIF. Segundo dados que Toffoli obteve com a UIF, nos últimos três anos a unidade repassou de forma espontânea ao Ministério Público Federal 1.607 relatórios de inteligência financeira (RIFs) e fez outros 1.165 "por requerimento" de procuradores. A partir desses números, o ministro buscou justificar uma decisão polêmica de 25 de outubro, revelada pela Folha na semana passada, que determinou à UIF que lhe enviasse cópias de todos os relatórios financeiros produzidos nos últimos três anos -documentos que citavam dados sigilosos de 600 mil pessoas físicas e jurídicas. Em vez de enviar cópias, a UIF deu ao ministro uma espécie de senha de acesso ao seu sistema eletrônico. Sob críticas de procuradores, que viram uma "devassa" nessa determinação, Toffoli a revogou, afirmando não ter acessado o sistema da UIF para consultar os dados sigilosos -que incluíam vários políticos e autoridades com prerrogativa de foro por função. "Para chegar a receber esses dados foi necessário dar uma decisão bastante dura, na qual eu não fiz acesso, não fiz cadastro [no sistema da UIF para olhar os relatórios], mas, se não fosse aquela decisão, jamais eu teria obtido esses dados", justificou o ministro. Em julgamento está um recurso extraordinário que começou com um caso específico de um posto de gasolina no interior de São Paulo que teria sonegado impostos. Como o processo tem repercussão geral, esse caso específico -em que houve repasse de dados da Receita para o Ministério Público- servirá para que o tribunal discuta a tese, de modo genérico e com impacto em todos os processos semelhantes pelo país. No início da sessão desta manhã, o procurador-geral, Augusto Aras, defendeu o sistema vigente de repasse de informações para o Ministério Público e afirmou que o método é o mesmo adotado em 184 países. "O Brasil necessita respeitar esse sistema. É a credibilidade do sistema financeiro, é um momento crucial para o crescimento econômico do país que mantenhamos a estrutura [vigente] para a segurança jurídica dessas relações econômicas tão relevantes", disse. ENTENDA A DECISÃO DE TOFFOLI SOBRE O COAF O que Toffoli decidiu em julho? O presidente do Supremo suspendeu investigações criminais que envolvam relatórios com dados bancários detalhados sem que tenha havido autorização da Justiça -ainda que o inquérito tenha outros elementos que o embasem. A decisão atinge inquéritos de todas as instâncias baseados em informações de órgãos de controle, como o antigo Coaf (hoje UIF), Receita Federal e Banco Central. É esse o tema do julgamento desta quarta (20) O que seriam "dados detalhados"? Informações que vão além da identificação dos titulares das transações suspeitas e do valor movimentado O que isso tem a ver com Flávio Bolsonaro? A decisão de Toffoli atendeu a um pedido da defesa do senador e paralisou a investigação do MP-RJ que envolve Flávio e seu ex-assessor Fabrício Queiroz. A apuração começou com o envio à Promotoria de um relatório do Coaf apontando movimentações atípicas de R$ 1,2 milhão na conta de Queiroz O que está sendo investigado sobre Flávio? O MP-RJ apura se houve "rachadinha" no gabinete de Flávio quando ele era deputado estadual no RJ. Nesse esquema, servidores devolvem parte do salário aos deputados. Há suspeita de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 47/56   BOLSA EUA-Wall St recua com tensão crescente entre EUA e China
    BUSINESS TOPIC NEWS

    BANGALORE, Índia (Reuters) - Os principais índice de ações de Wall Streetcaíam nesta quarta-feira, conforme recuavam expectativas em torno de um acordocomercial entre Estados Unidos e China em meio a uma escalada nas tensõesentre os dois países."A China foi clara que não quer qualquer interferência estrangeira em HongKong.

    BANGALORE, Índia (Reuters) - Os principais índice de ações de Wall Streetcaíam nesta quarta-feira, conforme recuavam expectativas em torno de um acordocomercial entre Estados Unidos e China em meio a uma escalada nas tensõesentre os dois países."A China foi clara que não quer qualquer interferência estrangeira em HongKong.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 48/56   Presidente eleito da Argentina diz a FMI ter plano sustentável para pagar dívida
    BUSINESS TOPIC NEWS

    SANTIAGO (Reuters) - O presidente eleito da Argentina, Alberto Fernández,disse à diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional, KristalinaGeorgieva, que tem um plano "sustentável" para cumprir suas obrigações decredor e também manter o crescimento, informou seu gabinete.Na terça-feira, Fernández disse a Georgieva não haver mais espaço para ajustefiscal adicional na Argentina por causa de uma "situação econômica domésticaenormemente complexa", disse seu gabinete em um comunicado.

    SANTIAGO (Reuters) - O presidente eleito da Argentina, Alberto Fernández,disse à diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional, KristalinaGeorgieva, que tem um plano "sustentável" para cumprir suas obrigações decredor e também manter o crescimento, informou seu gabinete.Na terça-feira, Fernández disse a Georgieva não haver mais espaço para ajustefiscal adicional na Argentina por causa de uma "situação econômica domésticaenormemente complexa", disse seu gabinete em um comunicado.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 49/56   UE está preocupada com orçamentos de França e Itália, mas não demanda mudanças
    BUSINESS TOPIC NEWS

    BRUXELAS (Reuters) - Orçamentos preliminares preparados pelos governos daFrança e da Itália ameaçam violar regras de endividamento e de redução dedéficit da União Europeia (UE), disse a Comissão Europeia nesta quarta-feira,sem no entanto solicitar mudanças imediatas.O órgão executivo da UE, responsável por monitorar os orçamentos dos países dazona do euro, disse ainda que os planos orçamentários preliminares de Espanha,Portugal, Bélgica, Eslováquia e Finlândia também estavam sob risco dedesobedecer as regras.

    BRUXELAS (Reuters) - Orçamentos preliminares preparados pelos governos daFrança e da Itália ameaçam violar regras de endividamento e de redução dedéficit da União Europeia (UE), disse a Comissão Europeia nesta quarta-feira,sem no entanto solicitar mudanças imediatas.O órgão executivo da UE, responsável por monitorar os orçamentos dos países dazona do euro, disse ainda que os planos orçamentários preliminares de Espanha,Portugal, Bélgica, Eslováquia e Finlândia também estavam sob risco dedesobedecer as regras.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 50/56   Governo criará regime tributário diferenciado para startups, diz secretário da Receita
    BUSINESS TOPIC NEWS

    Em audiência na Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados,Tostes Neto disse ainda que a proposta de reforma tributária do governo JairBolsonaro será enviada ao Congresso Nacional ainda neste ano.O secretário reiterou que a proposta só alcançará os tributos do governofederal, mirando simplificação e racionalização de PIS, Cofins e IPI.

    Em audiência na Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados,Tostes Neto disse ainda que a proposta de reforma tributária do governo JairBolsonaro será enviada ao Congresso Nacional ainda neste ano.O secretário reiterou que a proposta só alcançará os tributos do governofederal, mirando simplificação e racionalização de PIS, Cofins e IPI.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 51/56   Tostes Neto antecipa arrecadação de outubro, diz que reforma tributária será enviada neste ano
    BUSINESS TOPIC NEWS

    BRASÍLIA (Reuters) - A arrecadação federal foi de 135 bilhões de reais emoutubro, patamar equivalente ao registrado no mesmo mês do ano passado,afirmou nesta quarta-feira o secretário especial da Receita Federal, JoséBarroso Tostes Neto, citando números preliminares.Tostes Neto adiantou os dados em audiência pública na Comissão de Finanças eTributação da Câmara dos Deputados, na qual indicou que o governo enviará suaproposta de reforma tributária aos parlamentares ainda neste ano.

    BRASÍLIA (Reuters) - A arrecadação federal foi de 135 bilhões de reais emoutubro, patamar equivalente ao registrado no mesmo mês do ano passado,afirmou nesta quarta-feira o secretário especial da Receita Federal, JoséBarroso Tostes Neto, citando números preliminares.Tostes Neto adiantou os dados em audiência pública na Comissão de Finanças eTributação da Câmara dos Deputados, na qual indicou que o governo enviará suaproposta de reforma tributária aos parlamentares ainda neste ano.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 52/56   Alibaba movimenta até US$12,9 bi em oferta de ações histórica em Hong Kong
    BUSINESS TOPIC NEWS

    Por Scott Murdoch e Julie ZhuHONG KONG (Reuters) - O gigante chinês do comércio eletrônico Alibaba Groupmovimentou até 12,9 bilhões de dólares em uma oferta de ações histórica emHong Kong, a maior da cidade em nove anos e um recorde mundial de vendasecundária de ações transnacional.O acordo será visto como um impulso para Hong Kong, após mais de cinco mesesde protestos contra o governo e seu recente deslize para sua primeira recessãoem uma década.

    Por Scott Murdoch e Julie ZhuHONG KONG (Reuters) - O gigante chinês do comércio eletrônico Alibaba Groupmovimentou até 12,9 bilhões de dólares em uma oferta de ações histórica emHong Kong, a maior da cidade em nove anos e um recorde mundial de vendasecundária de ações transnacional.O acordo será visto como um impulso para Hong Kong, após mais de cinco mesesde protestos contra o governo e seu recente deslize para sua primeira recessãoem uma década.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 53/56   Bolsonaro diz que gostaria de dólar abaixo de R$ 4, mas que não se trata apenas do cenário interno
    BUSINESS TOPIC NEWS

    "O mundo está todo conectado. Qualquer problema lá fora tem reflexo no mundo todo, não é só aqui, não", disse o presidente

    "O mundo está todo conectado. Qualquer problema lá fora tem reflexo no mundo todo, não é só aqui, não", disse o presidente


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 54/56   Demandas tarifárias de Pequim podem expandir significativamente "fase um" de acordo comercial entre EUA-China
    BUSINESS TOPIC NEWS

    WASHINGTON (Reuters) - A "fase um" de um pacto comercial entre os EstadosUnidos e a China deveria ser um acordo limitado que permitiria aos líderes deambos os países reivindicar uma vitória fácil enquanto acalmavam os mercadosfinanceiros.Mas pode se transformar em algo maior se o presidente dos EUA, Donald Trump,concordar com as exigências de Pequim de reverter as tarifas existentes sobreprodutos chineses, dizem pessoas familiarizadas com as negociações.

    WASHINGTON (Reuters) - A "fase um" de um pacto comercial entre os EstadosUnidos e a China deveria ser um acordo limitado que permitiria aos líderes deambos os países reivindicar uma vitória fácil enquanto acalmavam os mercadosfinanceiros.Mas pode se transformar em algo maior se o presidente dos EUA, Donald Trump,concordar com as exigências de Pequim de reverter as tarifas existentes sobreprodutos chineses, dizem pessoas familiarizadas com as negociações.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 55/56   China convoca diplomata americano após votação sobre Hong Kong
    BUSINESS TOPIC NEWS

    Pequim convocou nesta quarta-feira um diplomata do alto escalão dos Estados Unidos após a adoção, na terça-feira, pelo Senado americano de um texto que apoia os "direitos humanos e democracia" em Hong Kong.

    Pequim convocou nesta quarta-feira um diplomata do alto escalão dos Estados Unidos após a adoção, na terça-feira, pelo Senado americano de um texto que apoia os "direitos humanos e democracia" em Hong Kong.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.
  • 56/56   Senado conclui votação da PEC Paralela em dois turnos
    BUSINESS TOPIC NEWS

    O acordo fechado entre os senadores permitiu a quebra dos intervalos exigidosentre as duas rodadas de votação. Os senadores analisaram emendas pendentes doprimeiro turno e já emendaram no segundo turno na noite desta terça-feira.

    O acordo fechado entre os senadores permitiu a quebra dos intervalos exigidosentre as duas rodadas de votação. Os senadores analisaram emendas pendentes doprimeiro turno e já emendaram no segundo turno na noite desta terça-feira.


    Clique na imagem para ver a página web.

    Clique aqui para mais descrição.

 
 


       

A Síntese de Voz
A Microsoft SAPI 5 objeto ActiveX é necessária.
Na opção de segurança do seu navegador, você não deve desabilitar a inicialização de controles ActiveX não assinados.
Você pode instalar e utilizar qualquer Inglês voz compatível com SAPI 5.
(tais como o discurso componente da Microsoft).
Não Voz Título Título e Documento
Voz e Audio Output



Velocidade

 

 
Volume

 

 

Velocidade Slideshow (Quick para Lento)
Zero Um Dois Três Quatro Cinco
Blog e RSS Feed URLs
http://moblog.whmsoft.net/pt
http://moblog.whmsoft.net/pt/?feed=rss2

Subscribe to Notícias Fotos Slideshows by Email
Subscrite para o RSS feed com Google Subscrite para o RSS feed com Yahoo! Subscrite para o RSS feed com AOL Subscrite para o RSS feed com Bloglines
Subscrite para o RSS feed com Netvibes Subscrite para o RSS feed com Newsgator Subscrite para o RSS feed com Pageflakes Subscrite para o RSS feed com Rojo

Slideshows - Fotos Noticias - Desde Yahoo! Noticias
Esporte



Encontros

Comentar